Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sábado 28 Janeiro |
Beato Bartolomeu Aiutamicristo
Aleteia logo
Histórias Inspiradoras
separateurCreated with Sketch.

O dia em que Santo Antônio salvou o pai da forca com a ajuda de um morto

Este artigo é exclusivo para os membros de Aleteia Premium
SAINT ANTHONY OF PADUA

By Renata Sedmakova | Shutterstock

Ricardo Sanches - publicado em 24/05/22

O pai de Santo Antônio foi preso injustamente e seria condenado a morrer na forca

Santo Antônio é um dos santos mais populares da Igreja. E não é só por sua fama de casamenteiro: há relatos que ele operou inúmeros milagres e dos mais diversos tipos. Entre eles, está a conhecida história de quando ele recorreu a uma mula para provar que o Corpo de Cristo está presente na Hóstia Consagrada.

O site da Diocese de Blumenau publicou uma lista com 21 milagres atribuídos ao santo. Entre eles, a quase que inacreditável história do dia em que Santo Antônio livrou o pai dele da morte com a ajuda de um morto!

Diz-se que um rapaz foi assassinado perto da casa de Martinho de Bulhões, o pai de Santo Antônio. Os criminosos o enterraram no quintal da casa do Sr. Martinho sem que o homem soubesse.

Algum tempo depois, as autoridades encontraram o corpo e acusaram o Sr. Martinho de ter matado o jovem. Ele passou quinze meses na cadeia. Quando chegou o dia do julgamento, era quase que certeza que a condenação seria a morte na forca.

Frei Antônio foi misteriosamente avisado do julgamento do pai, pediu autorização para deixar o convento de Pádua e viu-se instantaneamente em Lisboa. Sabendo da inocência do pai, passou a defendê-lo no tribunal. Tentou todos os meios, mas não conseguia convencer os jurados.

Sem ter testemunhas de defesa, Antônio decidiu recorrer ao depoimento da vítima, ou seja, o morto. E, mesmo ridicularizando o “advogado”, os juízes permitiram que o falecido fosse chamado como testemunha.

“Chegados à sepultura do falecido, o Santo ordenou que a abrissem e chamou o frio cadáver em voz alta, ordenando-lhe em nome de Deus que dissesse aos juízes a verdade sobre o seu assassinato. Imediatamente o morto levantou-se como se estivesse vivo e respondeu com voz sonora que Martinho de Bulhões era inocente e não estava manchado pelo seu sangue. Em seguida, deitou-se na sepultura. Santo Antônio, depois de se despedir do pai, desapareceu. Ficaram os juízes e a assistência assombrados com o milagre que acabavam de presenciar”, diz o site da diocese.

O pai de Antônio foi, enfim, considerado inocente e ficou livre da forca. Mais tarde, os verdadeiros criminosos foram descobertos e presos.

Momento eternizado

Essa história foi eternizada através de uma pintura. O quadro, de autoria desconhecida, está no Museu de Lisboa, Portugal.

A tela é da segunda metade do século XVI e retrata a grande devoção que a sociedade lisboeta da época já manifestava a Santo Antônio.

Clique aqui para ver a pintura.

Este artigo é exclusivo para os membros Aleteia Premium

Já é membro(a)? Por favor,

Grátis! - Sem compromisso
Você pode cancelar a qualquer momento

1.

Acesso ilimitado ao conteúdo Premium de Aleteia

2.

Acesso exclusivo à nossa rede de centenas de mosteiros que irão rezar por suas intenções

3.

Acesso exclusivo ao boletim Direto do Vaticano

4.

Acesso exclusivo à nossa Resenha de Imprensa internacional

5.

Acesso exclusivo à nova área de comentários

6.

Anúncios limitados

Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Tags:
JustiçaMilagrePortugalSantos
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia