Aleteia logoAleteia logoAleteia
Terça-feira 16 Agosto |
Bem-aventurado Gabriel Maria de Benifayó
Aleteia logo
Em foco
separateurCreated with Sketch.

A virtude ligada à cultura da vida

Este artigo é exclusivo para os membros de Aleteia Premium
run-shutterstock_251032747

Por Maridav/Shutterstock

Philip Kosloski - publicado em 07/07/22

Os jovens precisam ser educados para o autocontrole, a fim de que conquistem o domínio sobre seus impulsos sexuais

Embora o debate sobre o aborto gire, frequentemente, em torno das muitas dificuldades que uma mulher grávida pode enfrentar, uma das maneiras mais eficazes de prevenir tais dificuldades é educar os jovens para o autocontrole e a cultura da vida.

A cultura moderna tem uma tendência a vincular a felicidade pessoal ao prazer instantâneo e, particularmente, à satisfação sexual, promovendo a ideia de que a única forma de realização é através dos nossos impulsos sexuais.

Entretanto, São João Paulo II explicou repetidamente ao longo de sua vida que a verdadeira felicidade se encontra no amor autêntico. Ele mencionou isso em uma mensagem do Angelus, em que refletiu sobre a vida de Santa Maria Goretti. Disse ele:

“O seu martírio recorda que o ser humano não se realiza seguindo os impulsos do prazer, mas vivendo a própria vida no amor e na responsabilidade.”

Esta mesma verdade é explorada no Catecismo da Igreja Católica, apontando a castidade como o caminho para a felicidade duradoura:

“A castidade implica uma aprendizagem do domínio de si, que é uma pedagogia da liberdade humana. A alternativa é clara: ou o homem comanda as suas paixões e alcança a paz, ou se deixa dominar por elas e torna-se infeliz. «A dignidade do homem exige que ele proceda segundo uma opção consciente e livre, isto é, movido e determinado por uma convicção pessoal e não sob a pressão de um cego impulso interior ou da mera coação externa. O homem atinge esta dignidade quando, libertando-se de toda a escravidão das paixões, prossegue o seu fim na livre escolha do bem e se procura de modo eficaz e com diligente iniciativa os meios adequados».

CIC 2339

O autocontrole, certamente, não é fácil, mas é um esforço para toda a vida.

“O domínio de si é uma obra de grande fôlego. Nunca poderá considerar-se total e definitivamente adquirido. Implica um esforço constantemente retomado, em todas as idades da vida; mas o esforço requerido pode ser mais intenso em certas épocas, como quando se forma a personalidade, durante a infância e a adolescência.”

CIC 2342

Este tipo de autodomínio é uma virtude que, muitas vezes, não é ensinada aos jovens – que têm mais necessidade de resistir aos impulsos sexuais.

Entretanto, se queremos chegar a um futuro em que o aborto não seja considerado, o primeiro passo é formar jovens para a cultura da vida e para a liberdade sexual autêntica, que reconhece a “Teologia do Corpo” e a importância da sexualidade verdadeira na vida conjugal.

Este artigo é exclusivo para os membros Aleteia Premium

Já é membro(a)? Por favor,

Grátis! - Sem compromisso
Você pode cancelar a qualquer momento

1.

Acesso ilimitado ao conteúdo Premium de Aleteia

2.

Acesso exclusivo à nossa rede de centenas de mosteiros que irão rezar por suas intenções

3.

Acesso exclusivo ao boletim Direto do Vaticano

4.

Acesso exclusivo à nossa Resenha de Imprensa internacional

5.

Acesso exclusivo à nova área de comentários

6.

Anúncios limitados

Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Tags:
AbortoJovensSexualidadeVida
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia