Aleteia logoAleteia logoAleteia
Terça-feira 16 Agosto |
Bem-aventurado Gabriel Maria de Benifayó
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Tribunal do Reino Unido autoriza hospital a desligar aparelhos de garoto em coma

Archie-Battersbee

Hollie Dance

J-P Mauro - Reportagem local - publicado em 18/07/22 - atualizado em 18/07/22

Há mais de três meses os pais de Archie Battersbee lutam para manter o garoto vivo

O caso de Archie Battersbee, um menino inglês de 12 anos cujos pais lutam para mantê-lo em suporte de vida, pode ter chegado ao fim. Em recurso, a justiça do Reino Unido decidiu que seu suporte de vida (uma série de aparelhos e cuidados para manter o paciente vivo na UTI) deve ser removido.

O que aconteceu com o garoto Archie

Archie Battersbee foi encontrado em casa com uma ligadura no pescoço em 7 de abril de 2022. A família levou o menino às pressas para o hospital, onde os pais receberam o diagnóstico de “morte cerebral”. A família acredita que Archie participou de um “desafio” na internet chamado de “apagão, que incentiva as pessoas a se sufocarem a ponto de desmaiar. 

Após o diagnóstico, o hospital queria remover o suporte de vida de Archie, o que levou seus pais, Hollie Dance e Paul Battersbee, a entrar na justiça contra a decisão. Em primeira instância, a Suprema Corte de Londres concordou com a decisão do hospital, mas a família recorreu.

Nova decisão

Agora, depois de várias semanas discutindo o caso novamente, a justiça decidiu que “é do interesse de Archie remover seu suporte de vida”. O tribunal considerou que as melhorias na condição do garoto “não são possíveis” e que não há “esperança de recuperação”. Os advogados do médico argumentaram que o suporte à vida era “um fardo”, “contrário à dignidade” e “eticamente angustiante” para os médicos que tratam do garoto.

À BBC, a mãe de Archie afirmou: “O coração dele ainda está batendo, ele segurou minha mão e, como mãe, sei que ele ainda está lá. Até que seja a vontade de Deus, não vou aceitar que ele vá embora. Já soube de milagres em que as pessoas têm morte cerebral e voltam à vida.”

Seu coração ainda está batendo, ele segurou minha mão e, como mãe, sei que ele ainda está lá”, disse ela.

“Até que seja a vontade de Deus, não vou aceitar que ele vá embora. Já soube de milagres em que as pessoas têm morte cerebral e voltam à vida.”

Dance afirmou que pretende recorrer da última decisão da Corte. Ela disse que a família discorda “da ideia de dignidade na morte” e que “Archie gostaria que continuássemos lutando”. 

O hospital informou que está dando um tempo para a família decidir se deseja recorrer da decisão antes de fazer qualquer intervenção.

Bioética

O caso está levantando questões morais e médicas sobre quando um paciente deve ser considerado morto. Especialistas em bioética lideram o debate. O Anscombe Bioethics Centre, um instituto que apoia a Igreja Católica no Reino Unido e na Irlanda, divulgou um comunicado em seu site

“Parece extraordinário que questões de vida e morte sejam questões de um equilíbrio de probabilidade e não de determinação além de qualquer dúvida razoável.” O Centro continuou: “A Igreja Católica exige certeza moral da morte – certeza além de qualquer dúvida razoável – antes que órgãos vitais possam ser retirados de um corpo”.

Tags:
éticapaisReino UnidoVida
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia