Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quarta-feira 17 Abril |
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

A mais recente proibição de biquíni revela um problema atual

SIGN BIKINI BAN

melissamn | Shutterstock

Cerith Gardiner - publicado em 19/07/22

O presidente da Câmara de Sorrento interveio para pôr fim a um "comportamento indecoroso"

Desde que a pandemia, as pessoas tornaram-se geralmente mais descontraídas em relação aos seus trajes. Os ternos foram substituídos por calças casuais, e os sapatos sociais por tênis. De fato, a forma como nos vestimos pode não ser a coisa mais importante do mundo, mas há momentos em que a decência comum tem de prevalecer. Não compareceríamos à missa com um vestuário indecoroso, por exemplo.

Na verdade, isso recentemente ganhou destaque na bela cidade de Sorrento, no sul de Itália.

A cidade costeira é popular entre os turistas de todo o mundo, o que não é surpresa quando se olha para as vistas requintadas do topo do penhasco. No entanto, longe da praia, os turistas vagueiam pela cidade descalços ou de biquíni.

Assim, o presidente da Câmara, Massimo Coppola, decidiu tomar medidas e proibir as pessoas de passear pela cidade apenas em trajes de banhista. O presidente da Câmara explicou a um jornal italiano que a situação atual estava a causar “desconforto e mal-estar” entre os residentes locais, e mesmo entre outros turistas, de acordo com o site The Local, IT.

Visitar a cidade apenas em traje de banhista seria “contrário ao decoro” e estaria de fato a afetar a qualidade de vida da cidade. Por conseguinte, a polícia local aplicará a proibição, emitindo multas até 500 Euros para aqueles que desrespeitarem as regras.

Embora seja triste que este tipo de lei tenha de existir, faz todo sentido: o traje de banhista é para a praia ou para a piscina. Mas Sorrento não é a primeira cidade a ter de tomar tais medidas. Outras cidades italianas, incluindo Veneza, tiveram de criar regras semelhantes que promovam o decoro em público.

Esperemos que a decisão tomada em Sorrento venha a ser uma lembrança suficiente para os turistas de que só porque estão de férias não significa que o decoro já não seja importante.

Por isso, para garantir que os seus passeios e viagens reflitam os seus valores, leve roupas que se adequem ao ambiente dos habitantes locais, e encoraje os seus filhos, parentes e amigos a terem também em mente a sensibilidade local.

Tags:
moralPecadoValoresVirtudes
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia