Aleteia logoAleteia logoAleteia
Terça-feira 16 Agosto |
Bem-aventurado Gabriel Maria de Benifayó
Aleteia logo
Religião
separateurCreated with Sketch.

A agenda atarefada do Papa para o segundo semestre

DURING POPE FRANCIS mass for the 10th World Meeting of Families

Antoine Mekary | ALETEIA

I.Media para Aleteia - publicado em 04/08/22

O estado de saúde e a disposição de Francisco após a viagem ao Canadá foram indicadores utilizados pela Santa Sé para definir a nova agenda do Papa, que inclui mais viagens e um consistório

O Papa Francisco, que recentemente admitiu que não consegue manter “o mesmo ritmo de viagem de antes”, está, no entanto, preparando meses cheios de compromissos, a começar no final de agosto de 2022. Além de três viagens à Itália e um consistório, o pontífice visitará o Cazaquistão e ainda está planejando honrar sua promessa de ir a Kiev.

O estado de saúde e a disposição do Papa Francisco logo após o retorno da longa viagem ao Canadá foram indicadores utilizados pela Santa Sé para definir a nova agenda do Papa. O Arcebispo Paul Richard Gallagher, o chefe da diplomacia do Vaticano, anunciou que os planos do pontífice – em particular a viagem à capital ucraniana – dependiam em grande parte de sua capacidade de superar a última jornada apostólica.

Os bastidores da viagem ao Canadá

A viagem de mais de 20.000 km sobre o Atlântico foi planejada de uma forma que evitasse o cansaço desnecessário para o Papa, que sofreu muito com seu joelho este ano. Assim, todos os deslocamentos foram feitos em um único avião da ITA Airways, especialmente equipado para o pontífice. Não houve nenhum vôo de helicóptero e todos os deslocamentos de carro foram limitados a uma hora. Os assistentes do Papa também recomendaram o uso sistemático da cadeira de rodas. Além disso, a agenda contemplava períodos de descansos entre os compromissos.

No voo de volta para Roma, o Papa de 85 anos sugeriu que esses cuidados poderiam se tornar normas a partir de agora. “Acredito que na minha idade, e com estas limitações, tenho que me poupar um pouco para poder servir a Igreja, ou pelo contrário, pensar na possibilidade de me colocar de lado”, acrescentou ele. “Por enquanto, nada muda”, assegurou o Papa, antes de concluir: “mas veremos o que minha perna me diz”.

Agenda lotada

Três dias depois do retorno a Roma o Papa anunciou uma próxima viagem, que será ao Cazaquistão, a quase 5.000 km de distância. O Papa descreveu sua visita a Nur-Sultan para um congresso inter-religioso como uma “viagem tranquila”. A programação da visita, de fato, não inclui nenhuma viagem fora da capital do Cazaquistão.

Entretanto, a próxima grande viagem internacional do Papa é parte de uma agenda já cheia. No dia 27 de agosto, Francisco estará em Roma para um consistório durante o qual ele criará 20 novos cardeais. No dia seguinte, viajará para L’Aquila, a 100 km de Roma, para a cerimônia do jubileu do Perdão Celestino. Em 4 de setembro, ele deverá presidir a missa de beatificação de João Paulo I em Roma.

No final de setembro, depois do Cazaquistão, Francisco viajará duas vezes dentro da Itália: para Assis, na Úmbria, por ocasião da cúpula “A Economia de Francisco”, e depois a Matera, para o Congresso Eucarístico Nacional.

Enquanto isso, o projeto de uma viagem a Kiev, que está na agenda, apesar de ainda não ter oficialmente uma data, pode ser concluído. Uma viagem que parece complicada, como explicou o bispo Gallagher – que fez pessoalmente a viagem em maio passado – em uma entrevista ao portal Katholisch.de.

“Não é fácil chegar a Kiev ou Lviv”, explicou o Secretário de Relações de Estado, referindo-se a uma “longa viagem” de dois dias para o Papa, que não seria apenas de avião, mas também “de carro ou trem”. “Acho que o Papa quer resolver este problema o mais rápido possível”, insistiu ele.

Tags:
PapaPapa FranciscoSanta SéVaticano
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia