Aleteia logoAleteia logoAleteia
Terça-feira 16 Agosto |
Bem-aventurado Gabriel Maria de Benifayó
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Explosão em Beirute, 2 anos: novos escombros, imagem intacta de Maria e jovem agarrado à Cruz

Explosão em Beirute

AFP

Francisco Vêneto - publicado em 04/08/22 - atualizado em 04/08/22

Triste aniversário mistura lembranças dolorosas e sinais de esperança, como a estátua da Mãe de Deus sem danos e o jovem que morreu segurando o Crucifixo

A gigantesca explosão em Beirute completa 2 anos neste 4 de agosto num cenário ainda desolador. Nesta semana, o porto da capital libanesa, que nunca mais se recuperou da tragédia, voltou às manchetes mundiais com a notícia de novos desabamentos no que havia restado em pé dos depósitos já arruinados em 2020.

Os restos fantasmagóricos dos armazéns tinham permanecido todos estes meses sem serem demolidos, dadas as dimensões da crise econômica do país. A recente e histórica onda de calor que se estendeu sobre amplas áreas do hemisfério Norte provocou a fermentação dos grãos que continuavam dentro dos armazéns, o que, por sua vez, causou um incêndio que os combalidos bombeiros de Beirute não tiveram condições de extinguir.

Os depósitos estavam severamente danificados desde a megaexplosão que deixou pelo menos 215 mortos e acelerou a crise econômica, política e social do Líbano. De fato, desde bem antes do desastre que devastou a zona portuária da capital, o país inteiro já vinha sofrendo uma longa e pesada crise geral, que piorou drasticamente após os acontecimentos daquele 4 de agosto que assombrou o mundo em plena pandemia de covid-19.

Entre as centenas de vidas perdidas, os milhares de machucados e os prejuízos materiais difíceis de calcular, a sequência de más notícias parecia infindável. O país continua até hoje mergulhado na crise e são remotas as perspectivas de recuperação no médio prazo.

Ainda assim, alguns sinais trouxeram esperança e inspiração à população libanesa, em particular aos católicos:

O corpo do jovem de 23 anos agarrado ao Crucifixo

Joe Elias Akiki foi um dos mais de cem cidadãos libaneses considerados desaparecidos logo após a tragédia, enquanto o país contava dezenas de mortos e milhares de feridos.

Quando o seu corpo foi encontrado, três dias depois, nos escombros de um prédio que havia desabado, descobriu-se que Joe tinha tido companhia: em uma de suas mãos, o jovem de 23 anos segurava firmemente um pequeno Crucifixo, que o acompanhara na partida deste mundo rumo à eternidade.

A imagem de Maria intacta após a explosão em Beirute

Imagem de Nossa Senhora intacta após explosões em Beirute

Ainda entre as muitas imagens que foram amplamente compartilhadas nas redes sociais enquanto Beirute e o país tentavam redefinir os seus rumos após as mega-explosões, chamaram bastante atenção as fotos de uma estátua de Nossa Senhora que permaneceu intacta dentro de um nicho que dava para uma rua gravemente atingida pelo impacto destrutivo.

As fotos foram divulgadas no Twitter pela conta Maronitas_es, que publica informação em língua espanhola sobre os católicos libaneses de tradição maronita:

“Esta é uma estátua da Mãe de Deus em uma rua de Beirute. Tudo atrás dela está destruído e sua estátua sobreviveu à explosão”.

WEB2-LEBANON-EXPLOSION-AFP-000_1WA3DZ.jpg
Leia também:Oremos por Beirute
Tags:
CruzEsperançaMariaTragédia
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia