Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quinta-feira 29 Setembro |
São Miguel, São Gabriel e São Rafael
Aleteia logo
Religião
separateurCreated with Sketch.

Após ataque de revista, lojas nos EUA relatam aumento na venda de rosários

Este artigo é exclusivo para os membros de Aleteia Premium
Venda de rosários aumenta após ataque de revista

Ben Gingell | Shutterstock

Francisco Vêneto - publicado em 18/08/22

Artigo repleto de verborragia ideológica tachou o terço de "símbolo do extremismo de direita"

Diversas lojas nos Estados Unidos relataram aumento nas vendas de rosários após o patético ataque perpetrado pela revista The Atlantic, que, mediante um artigo repleto de verborragia ideológica, tachou o terço de “símbolo do extremismo de direita”.

Saiba mais sobre a matéria enviesada e fortemente criticada acessando a seguinte reportagem:

De acordo com a agência católica de notícias CNA, pelo menos quatro lojas virtuais de artigos religiosos católicos confirmaram o crescimento das vendas de terços logo após a veiculação do artigo controverso.

A Rugged Rosaries, que produz rosários ao estilo dos que eram usados por soldados durante a Primeira Guerra Mundial, declarou por meio do representante Shannon Doty que a loja viu “um bom aumento nas vendas”. O próprio Doty começou há mais de 10 anos a produzir rosários de paracord, o material de que era feito o cordame dos pára-quedas da Segunda Guerra Mundial, e a distribuí-los entre amigos de seu filho militar. Ele comenta sobre a controversa matéria da revista The Atlantic:

“Estamos fortalecidos em nossa determinação de fazer rosários fortes e robustos para todos”.

A Catholic Woodworker, por meio do fundador Jonathan Conrad, declarou à CNA que esta última segunda-feira foi o seu melhor dia de vendas neste mês – a matéria que tachava o rosário de “símbolo extremista” havia sido publicada na véspera. Segundo Conrad, a “luta espiritual” mediante a oração faz parte da missão da sua loja, que é esta:

“Equipar famílias para a batalha no mundo moderno, com a ênfase bíblica de que não estamos lutando contra carne e sangue, mas contra os principados e poderes das trevas”.

O Apostolado Mundial de Fátima – EUA, por meio do diretor executivo David Carollo, se juntou aos que confirmaram o aumento de vendas de rosários – e acrescentou que o número de seguidores do apostolado nas redes sociais também cresceu.

“Não rezamos contra as pessoas. Rezamos pelas pessoas. É este o sentido do rosário”.

O site Catholic Guardians, segundo seu administrador Pierce Toomey, relatou crescimento discreto nas vendas de rosários e aumento do número de seguidores nas redes sociais. Toomey, aliás, resolveu utilizar a bizarra terminologia do artigo da revista The Atlantic para divulgar os seus rosários de estilo mais masculino:

“Organizando outra venda para todos os ‘rad-trads’ que estão por aí ‘cooptando’ o rosário. Use o código ‘theatlantic’ para aplicar 20% de desconto a qualquer rosário masculino”.

Este artigo é exclusivo para os membros Aleteia Premium

Já é membro(a)? Por favor,

Grátis! - Sem compromisso
Você pode cancelar a qualquer momento

1.

Acesso ilimitado ao conteúdo Premium de Aleteia

2.

Acesso exclusivo à nossa rede de centenas de mosteiros que irão rezar por suas intenções

3.

Acesso exclusivo ao boletim Direto do Vaticano

4.

Acesso exclusivo à nossa Resenha de Imprensa internacional

5.

Acesso exclusivo à nova área de comentários

6.

Anúncios limitados

Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Tags:
IdeologiaRosárioTerço
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia