Aleteia logoAleteia logoAleteia
Domingo 02 Outubro |
Santos Anjos da Guarda          
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Resenha de Imprensa: Papa deve excomungar Presidente nicaraguense Daniel Ortega?

Este artigo é exclusivo para os membros de Aleteia Premium
Daniel Ortega e Rosario Murillo

Cesar PEREZ / Nicaraguan Presidency / AFP

Daniel Ortega e Rosario Murillo

I.Media para Aleteia - publicado em 23/08/22 - atualizado em 23/08/22

Importante: um resumo das principais notícias do dia sobre a Igreja Católica em veículos de imprensa internacionais

Terça-feira 23 de Agosto de 2022

1- O Papa deveria excomungar o Presidente nicaraguense Daniel Ortega?
2- O Padre Lombardi relembra os seus anos de serviço a três papas
3- O imposto eclesiástico na Alemanha não merece a sua má reputação


1O Papa deveria excomungar o Presidente nicaraguense Daniel Ortega?

Para muitos observadores, a situação na Nicarágua – incluindo a prisão de um bispo, declarações governamentais hostis contra a Igreja, etc. – exige agora “uma posição clara e inequívoca” do Papa. O jornal Catholic Herald sugere que “pode ser tempo de excomungar – ou ameaçar excomungar – o Presidente Ortega e muitos do seu círculo interior. Enquanto Francisco e o Vaticano já se pronunciaram sobre o assunto, nomeadamente no Angelus do último domingo, “este reconhecimento também não parece proporcional ao horror do que está a acontecer no país”, diz o órgão de comunicação social britânico. O Papa pode estar preocupado com o fato de que isto irá exacerbar as tensões, mas parece que o barco já se afundou, acrescenta. Para Catholic Herald, o Vaticano deveria “reconhecer que a Igreja é a principal oposição democrática a Ortega e – como no caso da China – uma ameaça à tirania estatal, uma vez que atua como contra-poder ao regime e como um ponto focal alternativo de lealdade”. Em vez disso, ele critica duramente “um Vaticano que ainda acomoda o Partido Comunista Chinês (PCC) através de um acordo que pouco fez para acabar com a perseguição dos católicos, nem faz nada para denunciar a perseguição dos cristãos em todo o mundo”.

Catholic Herald, inglês

O antigo diretor da Rádio Vaticano e do Gabinete de Imprensa da Santa Sé celebrará o seu 80º aniversário na segunda-feira, 29 de Agosto. O jesuíta italiano, que serviu João Paulo II, Bento XVI e Francisco, relembra a sua longa carreira numa entrevista ao jornal do episcopado italiano. Com formação científica, licenciou-se em matemática na Universidade de Turim em 1969, depois foi ordenado sacerdote na Alemanha em 1972, onde foi capelão de expatriados italianos. O Padre Federico Lombardi não estava predestinado a servir na comunicação dos papas, mas o seu percurso levou-o gradualmente a encarnar com eficiência e benevolência a função de “porta-voz” do Papa como diretor do Gabinete de Imprensa da Santa Sé entre 2006 e 2016. O seu quarto de século no leme da Rádio Vaticano, de 1990 a 2016, também deixou a sua marca em toda uma geração de jornalistas. Enquanto esteve particularmente próximo de Bento XVI e permanece como presidente da Fundação Ratzinger, também serviu o Papa Francisco durante os primeiros três anos do seu pontificado, com quem partilha “a linguagem da espiritualidade inaciana”. Ele sublinha o “vento de frescor” que o Papa argentino trouxe dentro e fora da Igreja. Alguns dias antes de atingir o marco duplo de 80 anos e 50 anos de sacerdócio, o Padre Lombardi está sereno. “Vivo o meu ministério com esperança e fé, olhando sem nostalgia para o passado glorioso da minha Ordem”, e “confiando sempre no futuro da Igreja e daqueles que virão depois de mim”, assegura ele.

Avvenire, italiano

3O imposto eclesiástico na Alemanha não merece a sua má reputação

A controvérsia em torno da utilização de 820.000 euros pela Arquidiocese de Colónia para serviços de consultoria de comunicação – uma diocese que foi abalada por escândalos de abusos – levou a críticas sobre o uso do dinheiro pela Igreja alemã. Para Christof Haverkamp, o autor deste artigo e porta-voz da Igreja Católica em Bremen, este caso põe em causa os impostos da igreja. De acordo com um inquérito, 67% dos alemães apoiam a abolição do imposto da igreja. No entanto, Christof Haverkamp recorda todos os serviços prestados pelas dioceses alemãs graças ao dinheiro proveniente deste imposto. Ajuda aos refugiados, aos sem abrigo, escolas, infantários, serviços culturais e pastorais: o Estado alemão também beneficia da delegação de alguns destes serviços. Ele conclui: “O sistema fiscal da Igreja provou a sua eficácia. No entanto, o controle pode ser melhorado, assim como a transparência das despesas”.

Katholisch.de, alemão

Este artigo é exclusivo para os membros Aleteia Premium

Já é membro(a)? Por favor,

Grátis! - Sem compromisso
Você pode cancelar a qualquer momento

1.

Acesso ilimitado ao conteúdo Premium de Aleteia

2.

Acesso exclusivo à nossa rede de centenas de mosteiros que irão rezar por suas intenções

3.

Acesso exclusivo ao boletim Direto do Vaticano

4.

Acesso exclusivo à nossa Resenha de Imprensa internacional

5.

Acesso exclusivo à nova área de comentários

6.

Anúncios limitados

Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Tags:
PerseguiçãoResenha de ImprensaViolência
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia