Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quarta-feira 17 Abril |
Aleteia logo
Estilo de vida
separateurCreated with Sketch.

Você já teve vontade de reescrever a sua história?

Este artigo é exclusivo para os membros de Aleteia Premium
MAN, SAD, WINDOW

Marjan Apostolovic | Shutterstock

Talita Rodrigues - publicado em 17/10/22

Se, por um lado, temos a liberdade de escrever a nossa história, essa liberdade não é absoluta

Se você já tentou reescrever a sua história,, deve ter percebido que o peso do passado, da história que já existe em você, simplesmente não pode ser ignorado.

Se, por um lado, temos a liberdade de escrever a nossa história, essa liberdade não é absoluta. 

Porque nós não escrevemos a nossa história no vazio. 

A maturidade passa pelo processo de reabsorver nossas circunstâncias. Saber contar e avaliar a nossa história é fundamental para que possamos seguir adiante. 

Nós não podemos dizer: “apesar dos pesares, vou reescrever a minha história”. Não! 

É contando com os seus pesares, é trazendo-os com você. 

A pessoa madura é capaz de olhar para o seu destino, para aquilo que não pode ser mudado sem culpar ninguém. Sem se vitimizar.

A pessoa madura consegue olhar para o seu passado, e de algum modo, acolhê-lo. Vamos tentar?

Para mais dicas sobre bem-estar e espiritualidade clique aqui e siga a psicóloga Talita Rodrigues no Instagram

Este artigo é exclusivo para os membros Aleteia Premium

Já é membro(a)? Por favor,

Grátis! - Sem compromisso
Você pode cancelar a qualquer momento

1.

Acesso ilimitado ao conteúdo Premium de Aleteia

2.

Acesso exclusivo à nossa rede de centenas de mosteiros que irão rezar por suas intenções

3.

Acesso exclusivo ao boletim Direto do Vaticano

4.

Acesso exclusivo à nossa Resenha de Imprensa internacional

5.

Acesso exclusivo à nova área de comentários

6.

Anúncios limitados

Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Apoie o jornalismo que promove os valores católicos

Tags:
Bem estarPsicologia
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia