Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quinta-feira 08 Dezembro |
Bem-aventurado Luís Liguda
Aleteia logo
Espiritualidade
separateurCreated with Sketch.

Como tratar a depressão causada por fatores espirituais

TEENAGER GIRL,

Quorthon1 | Shutterstock

Gelsomino Del Guercio - publicado em 19/10/22

Alguns casos de depressão não são causados por distúrbios fisiológicos ou psiquiátricos. Este tipo de diagnóstico deve sempre ser feito após consultar um exorcista e um psiquiatra ou terapeuta

A depressão, muitas vezes, pode ser causada por fatores espirituais. Esta é a tese exposta no livro Cómo librarse de los malos espíritus (edições Segno), editado por Don Marcello Stanzione.

Mas, claro, não é só isso: a depressão tem muitas causas possíveis. A doença pode ter, por exemplo, uma causa física primária, como a hiperglicemia.

Outras causas da depressão

Entre outros fatores, aspectos emocionais ou tramas de infância podem levar à depressão. Em alguns casos, pode haver uma depressão de origem traumática, na qual também foi enxertada alguma influência maligna.

Os casos de depressão podem, portanto, ter origem em um desses fatores ou na combinação deles.

Assim, seria errado abordar uma pessoa deprimida e dizer: “Você tem um espírito que está causando depressão em você”.

Em primeiro lugar, isso pode assustar a pessoa. Depois, como você pode ter certeza de que a causa da depressão é a presença de espíritos malignos?

Este tipo de diagnóstico deve sempre ser feito após consultar um padre/exorcista e um psiquiatra/terapeuta.

Impulsos suicidas e desejo de morte

Dr. Valter Cascioli, psiquiatra, porta-voz e consultor científico da Associação Internacional de Exorcistas (IEA) disse à Aleteia:

“A depressão é tratada com bons resultados pelos psiquiatras. Quanto a alguns casos de depressão, principalmente quando há desejo de morte ou suicídio, sabe-se que o mal também se manifesta dessa forma. De qualquer forma é preciso avaliar cuidadosamente os sinais, os sintomas, o contexto clínico da depressão, saber se é de origem psiquiátrica e avaliar cuidadosamente o problema espiritual que pode estar relacionado a esses sintomas”.

“Laços Perigosos”

A psicoterapeuta Porzia Quagliarella, teóloga e colaboradora há anos de Dom Francesco Fruscio, exorcista de Barletta (Itália), explicou ao portal Bari Inedita.it:

“Satanás usa fraquezas psicológicas que, combinadas com o pecado e o mau cuidado moral, afetam negativamente a vida das pessoas, criando laços perigosos.”

Nesses casos, para curar a forma depressiva, a psicoterapeuta trabalhava com o padre na frente psicológica, que prosseguia paralelamente ao exorcismo e à oração de libertação.

Quando e como fazer a oração de libertação

Se a presença de espíritos malignos é suspeita como causa da depressão – lê-se no livro citado acima – o que pode ser útil, além do apoio do médico e da possível intervenção do exorcista, é a oração silenciosa de libertação.

Rezando o Pai Nosso, pede-se a Deus que liberte a pessoa de toda má influência. Esta oração pode ser feita por um ente querido ou alguém próximo de quem sofre depressão.

Mas é importante não abusar da oração de libertação para não assustar alguém, dizendo que a vida da pessoa está condicionada à presença de um espírito maligno.

Como os espíritos malignos podem causar a depressão

É mais eficaz fazer a oração de libertação se soubermos como os espíritos malignos entram na vida da pessoa deprimida.

As três principais portas para o mal são: feridas emocionais, pecado e atividades ocultas.

1Feridas emocionais

A maioria dos espíritos malignos se liga a uma pessoa através de feridas emocionais purulentas, como medo, raiva, culpa, ressentimento.

Por exemplo, uma pessoa que foi emocionalmente magoada por um pai alcoólatra pode estar aberta a um espírito de raiva e, por isso, experimentar a persistência dessa raiva, não apenas contra seu pai, mas também contra todas as pessoas em posição de autoridade e contra outros alcoólatras.

Essas feridas emocionais podem ser como portas abertas para a atividade de espíritos malignos, a menos que intervenha um caminho de cura interior.

2Pecado

A segunda porta que convida os espíritos malignos a entrar chama-se “pecado”.

Por exemplo, se mentimos o tempo todo, perdemos a força de vontade de dizer a verdade, e isso permite um ataque posterior de um espírito mentiroso.

Se vivemos em condições de fornicação contínua, estamos abertos ao ataque de espíritos de impureza. Se cometemos adultério, estamos expostos ao ataque de espíritos de adultério, pior ainda.

São situações de pecado contínuo, que são diferentes do pecado em que se tropeçou uma vez e depois causou tanto arrependimento que a pessoa tenta não fazê-lo novamente.

A maneira mais poderosa de fechar a porta do pecado é, sem dúvida, aquela que se consegue através do sacramento da Reconciliação.

Através da Confissão, pedimos perdão pelo nosso pecado e também por nos apegarmos às nossas feridas emocionais, em vez de termos perdoado aqueles que nos feriram.

3Atividades ocultas

Ritual xamânico

Juntamente com as feridas emocionais e o pecado, há outra porta que convida os espíritos malignos a entrar na vida da pessoa deprimida. Esta porta é o ocultismo.

Por atividade oculta entendemos a busca de poder ou orientação de fontes que se opõem a Jesus Cristo, como sessões espíritas, o tabuleiro Ouija, a meditação transcendental…

Como quebrar o vínculo com o ocultismo

Podemos quebrar a escravidão que nos prende ao ocultimo em três estágios sucessivos.

No primeiro, devemos curar as feridas que nos levaram a buscar o poder oculto. Em oração, lembre-se do momento em que a escolha oculta foi feita e passe a escolha Jesus.

Na segunda etapa, deve-se confessar e receber o perdão por qualquer forma de envolvimento em práticas ocultas.

Philippe Lisac | Godong

Já na terceira fase, devemos abandonar este compromisso e construir novos laços com Jesus Cristo.

Por exemplo, você pode dizer: “Em nome de Jesus Cristo, renuncio a todos os laços ocultos com o adivinho que visitei“. E escolha novamente o Batismo, aquele que lhe deu vida.

Esta oração de libertação aumenta sua força se for rezada durante a Eucaristia, onde o sangue de Jesus pode romper os laços mais poderosos produzidos pelo ocultismo e estabelecer laços ainda mais fortes com o próprio Jesus.

Recomendação de Ratzinger

De maneira mais geral, podemos rezar as orações de libertação sozinhos ou com outras pessoas: elas são válidas para ajudar a pessoa deprimida.

Em uma circular, o então cardeal Joseph Ratzinger, prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé, disse: “Os cristãos podem, no entanto, orar por libertação, mesmo em grupos”.

Para isso, Ratzinger aconselhou o uso da Oração do Senhor, os sacramentos e orações à Virgem.

Uma maneira de rezar esta oração de intercessão é imaginar a Luz de Jesus envolvendo aquela pessoa enquanto rogamos a Ele que ordene ao maligno que vá embora e deixe aquela pessoa em paz.

Tags:
DepressãoDoençaExorcismoMal
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia