Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quinta-feira 08 Dezembro |
Bem-aventurado Luís Liguda
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Cuba prende opositora a caminho de Missa em intenção de parentes presos

Sonia Álvarez Campillo detida em Cuba ao ir à Missa

Sonia Álvarez Campillo | Facebook

Francisco Vêneto - publicado em 20/10/22

"Mais um domingo de repressão por ir à igreja pedir liberdade para minha filha e marido e para todos os presos políticos"

A ditadura de Cuba prendeu a opositora Sonia Álvarez Campillo quando ela estava a caminho da Santa Missa deste domingo, 16 de outubro, para rezar pelos presos políticos na ilha, em especial pelo próprio esposo, Félix Navarro, e pela filha Saily Navarro.

Sonia permanceu detida irregularmente durante cerca de duas horas e foi liberada após pagar uma multa de 150 pesos, conforme ela mesma denunciou via rede social, assumindo os riscos de questionar publicamente o governo comunista.

“Pátria e vida”, acrescentou, encerrando sua denúncia.

O marido e a filha de Sonia, Félix e Saily Navarro, foram condenados em março a, respectivamente, nove e sete anos de prisão por se oporem ao regime comunista que martiriza a ilha desde 1959. Ambos participaram das marchas históricas de 11 de julho de 2021. Félix, como “agravante”, é membro do Partido para a Democracia Pedro Luis Boitel, de aberta oposição à ditadura cubana.

Sonia Álvarez já tinha sido assediada e detida em outras ocasiões pela ditadura de Cuba quando estava a caminho da Missa. Em 18 de setembro, ela tinha também registrado:

“Mais um domingo de repressão por ir à igreja pedir liberdade para minha filha e marido e para todos os presos políticos. Fui multada em 150 [pesos]. Pátria e vida”.

Sonia faz parte do movimento Damas de Branco, integrado por mulheres cubanas que trabalham pela libertação dos presos políticos e pela democracia no país. O movimento foi fundado na assim chamada “Primavera Negra” de 2003, quando Fidel Castro prendeu 75 opositores e os condenou sumariamente a penas duríssimas, de até 30 anos de prisão, pelo simples fato de serem opositores.

Félix Navarro já estava entre os condenados naquela mesma operação.

Tags:
comunismoditaduraIdeologiaMissaPerseguiçãoPolítica
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia