Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quinta-feira 08 Dezembro |
Bem-aventurado Luís Liguda
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

Resenha de Imprensa: Padres americanos a perder a confiança no bispo?

Este artigo é exclusivo para os membros de Aleteia Premium
église chicago.

© Conchi Martinez - Shutterstock

Catedral de Chicago, nos EUA

I.Media para Aleteia - publicado em 25/10/22

Seu resumo das notícias do dia. Leia:

Terça-feira, 25 de Outubro de 2022

  1. Menos da metade dos padres católicos americanos confiam no bispo
  2. Em Espanha, a pressão social alimenta os pedidos de eutanásia
  3. «Vatican Girl»: o documentário da Netflix sobre um desaparecimento no Vaticano há 40 anos.
  4. Pode o Papa Francisco sobreviver às maquinações dos cardeais «cismáticos»?
  5. A homenagem e o aviso de Emmanuel Macron às religiões

1Menos da metade dos padres católicos americanos confiam no bispo

Uma nova pesquisa com o clero católico nos Estados Unidos mostra que há uma desconfiança generalizada em relação aos bispos, já que apenas 49% dos entrevistados dizem que confiam em seu bispo. A sondagem, realizada por sociólogos da Universidade Católica da América, incidiu sobre o bem-estar dos padres católicos hoje e sobre a sua relação com a Igreja e os seus superiores à luz da crise dos abusos sexuais. Foram interrogados 10.000 membros do clero e 3.516 respostas foram recebidas de 191 dioceses.

Os pesquisadores realizaram 100 entrevistas de acompanhamento. 8 em cada 10 sacerdotes foram descritos como «realizados» com base em dez questões que avaliam a sua «felicidade e satisfação na vida, saúde mental e física, senso de sentido e de finalidade, caráter e virtude, e relações sociais estreitas». «Estou feliz na minha vida. Encontro a verdadeira alegria. Amo o que faço», disse um padre religioso aos investigadores. Por outro lado, 45% dos sacerdotes apresentavam pelo menos um sinal de esgotamento e 1 em cada 10 apresentava sinais graves de esgotamento.

O clero religioso era menos provável de revelar um esgotamento, um terço deles apresentando pelo menos um indicador, contra metade do clero diocesano. Além disso, os sacerdotes mais jovens eram mais propensos a dizer que se sentiam esgotados, em comparação com o clero mais velho. Um fator negativo importante na avaliação do bem-estar dos sacerdotes foi a falta de confiança em seus bispos, o que levou a uma redução de 11,5% no bem-estar dos sacerdotes.

Essas atitudes eram particularmente marcadas quando se tratava do temor de que um sacerdote pudesse ser falsamente acusado de abuso sexual e que os bispos não o ajudassem a combater essa alegação. O inquérito revelou igualmente níveis elevados de apoio às políticas rigorosas de luta contra os abusos sexuais.

The Tablet, inglês


2Em Espanha, a pressão social alimenta os pedidos de eutanásia

Gorety Pazos, especialista em medicina familiar e especialista em cuidados contínuos e paliativos, intervém no âmbito do IV Curso de Bioética e Oncologia da Fundação Paulo VI, que, na linha do ensinamento da Igreja, tenta propor alternativas à eutanásia, legalizada em Espanha desde 2021. Esta organização oferece treinamento para oncologistas clínicos e todos os profissionais e voluntários envolvidos no atendimento de pacientes com câncer.

Em entrevista a Alfa y Omega, ela explica que, “praticamente todas as decisões do corpo médico têm um aspecto ético: iniciar um tratamento, suspendê-lo ou não, que pacientes são capazes de receber tratamentos mais agressivos ou não, a questão da autonomia do paciente, etc”. Ela observa que “os médicos estão cada vez mais conscientes da necessidade de formação nesta área ética, especialmente desde a adoção da lei da eutanásia. No entanto, devido à sobrecarga de trabalho, em suas atividades diárias, a prioridade é dada a outros treinamentos, mais técnicos”.

Desde que a eutanásia foi legalizada em Espanha em nome, segundo o legislador, de uma «exigência social clara e sustentada», a especialista em cuidados paliativos lamenta o aumento das eutanásias disfarçadas de sedação paliativa, que às vezes são realizadas como resultado de uma precipitação que ocorre por muitas razões: pressão de cuidados, falta de recursos, pedido efetuado pela família ou pelo paciente». A pressão social desempenha, portanto, um papel importante nestes pedidos de eutanásia: «Um doente que beneficie de um bom apoio familiar, social e económico terá um fim muito diferente do fim do mesmo doente com as mesmas patologias e complicações, mas que beneficie de um apoio social, familiar e econômico pior. »

Além disso, deseja um melhor apoio público à hospitalização em casa, pois as longas estadias hospitalares alimentam os riscos de infecção, de desorientação e de depressão e, por conseguinte, os pedidos de sedação profunda ou mesmo de eutanásia. Estas questões sensíveis estarão no centro do debate na França nos próximos meses, onde o Presidente Macron deseja a elaboração de uma nova lei sobre o fim da vida, que poderia abrir caminho a uma legalização da eutanásia, mesmo que o presidente francês afirme querer desenvolver a promoção dos cuidados paliativos.

Alfa y Omega, espanhol


3E também na mídia internacional…

«A garota desaparecida do Vaticano»: o documentário da Netflix sobre um desaparecimento no Vaticano há 40 anos

Saiba mais sobre a nova série documental da Netflix que conta a história do misterioso desaparecimento, em 1983, de Emanuela Orlandi, uma menina de 15 anos que é hoje a única cidadã do Vaticano considerada desaparecida.

America Magazine, inglês

Pode o Papa Francisco sobreviver às maquinações dos cardeais «cismáticos»?

Alguns cardeais de alto escalão, profundamente descontentes com o ciclo 2021-2022 do Sínodo da Igreja Católica sobre a sinodalidade, parecem querer fazer desaparecer todo o projeto. (Opinião)

National Catholic Reporter, inglês

A homenagem e o aviso de Emmanuel Macron às religiões

Em visita a Roma, onde encontrou o Papa Francisco pela terceira vez, o Presidente da República Francesa aproveitou a viagem para colocar os pontos sobre os «is». (Análise)

Le Figaro, francês

Este artigo é exclusivo para os membros Aleteia Premium

Já é membro(a)? Por favor,

Grátis! - Sem compromisso
Você pode cancelar a qualquer momento

1.

Acesso ilimitado ao conteúdo Premium de Aleteia

2.

Acesso exclusivo à nossa rede de centenas de mosteiros que irão rezar por suas intenções

3.

Acesso exclusivo ao boletim Direto do Vaticano

4.

Acesso exclusivo à nossa Resenha de Imprensa internacional

5.

Acesso exclusivo à nova área de comentários

6.

Anúncios limitados

Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Tags:
BisposPadresResenha de Imprensa
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia