Aleteia logoAleteia logoAleteia
Segunda-feira 22 Abril |
Aleteia logo
Atualidade
separateurCreated with Sketch.

O Papa Francisco abençoa a Nicarágua

Este artigo é exclusivo para os membros de Aleteia Premium
PAPA RECEBE CARDEAL DA NICARÁGUA

@arquidiocesisdemanagua

Francisco Vêneto - publicado em 04/11/22

"O Papa está bem informado e conhece muito bem a realidade", afirmou o cardeal arcebispo de Manágua no Vaticano

O Papa Francisco abençoou a Nicarágua durante uma audiência privada com o arcebispo de Manágua, cardeal Leopoldo Brenes, a quem recebeu no Vaticano recentemente. O encontro aconteceu pouco antes da viagem do pontífice ao Bahrein nesta quinta-feira, dia 3, mas a data exata não foi informada.

Via redes sociais, a arquidiocese de Manágua divulgou a proximidade do Papa ao povo do país, que sofre uma ferrenha perseguição anticatólica promovida pelo ditador Daniel Ortega.

Ao portal de notícias Vatican News, o cardeal Brenes declarou na terça-feira, 1º de novembro, que o Papa “conhece muito bem a realidade” do país e encoraja a Igreja a continuar sendo mensageira de “reconciliação e esperança”.

A propósito da postura do Papa Francisco em relação à situação dramática da Nicarágua, o cardeal comentou:

“Era um tema que, com certeza, seria discutido com o Papa. Ele está bem informado e conhece muito bem a realidade. Só me perguntou alguns detalhes e eu dei a minha opinião”.

O regime ditatorial de Daniel Ortega expulsou ainda em março o núncio apostólico do país. No meio do ano, expulsou as Missionárias da Caridade, da Madre Teresa de Calcutá, e várias outras congregações e organizações católicas. Em agosto, determinou um cerco à cúria episcopal de Matagalpa que se estendeu por 15 dias, após os quais prendeu o bispo, dom Rolando Álvarez, e vários padres e seminaristas que também estavam na residência episcopal, além de um colaborador leigo da diocese, sem qualquer acusação formal. Todos continuam presos ilegalmente. A ditadura também tem fechado meios de comunicação católicos, sobretudo emissoras de rádio. Não obstante, Daniel Ortega declarou que a verdadeira ditadura é a Igreja Católica.

Enquanto democracias de todo o mundo criticam com veemência o regime de Ortega e exigem a libertação dos presos políticos, outros governos de ideologias afins à do ditador se mantêm silenciosos, coniventes ou mesmo aliados.

Este artigo é exclusivo para os membros Aleteia Premium

Já é membro(a)? Por favor,

Grátis! - Sem compromisso
Você pode cancelar a qualquer momento

1.

Acesso ilimitado ao conteúdo Premium de Aleteia

2.

Acesso exclusivo à nossa rede de centenas de mosteiros que irão rezar por suas intenções

3.

Acesso exclusivo ao boletim Direto do Vaticano

4.

Acesso exclusivo à nossa Resenha de Imprensa internacional

5.

Acesso exclusivo à nova área de comentários

6.

Anúncios limitados

Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Apoie o jornalismo que promove os valores católicos

Tags:
ditaduraIdeologiaIgrejaPapa FranciscoPerseguição
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia