Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sábado 03 Dezembro |
São Birino de Dorchester
Aleteia logo
Espiritualidade
separateurCreated with Sketch.

Quanta dor! A solidão de Jesus nos sacrários abandonados

TABERNACLE

Adam Jan Figel | Shutterstock

Claudio de Castro - publicado em 18/11/22

Jesus passa os dias lá, com as mãos cheias de graças abundantes para nós, querendo entregá-las... mas nós não o procuramos

Sacrários abandonados doem, especialmente porque sabemos que Jesus, o Filho do Deus vivo, se encontra neles.

Jesus é um prisioneiro do amor e anseia por nosso conforto e amor. Passa os dias amando esta humanidade que despreza, peca e afasta-se de Deus. Jesus sempre espera que alguém o visite, que lhe faça companhia e demonstre seu amor com gestos de carinho e ternura.

Ele passa os dias com as mãos cheias de graças abundantes para nós, querendo entregá-las… mas vamos pouco ou nada até ele.

Capelas vazias

Costumo dizer que se as pessoas soubessem quem mora nos tabernáculos do mundo, iriam em massa para visitá-los. Eles nunca os deixariam em paz. Estaríamos todos prostrados diante de Jesus nos tabernáculos, adorando o Filho de Deus.

O próprio Jesus lamentou esse abandono em uma aparição à Santa Margarida Maria de Alacoque:

“Eis o Coração que tanto amou os homens, que nada poupou, até se esgotar e se consumir para lhes testemunhar seu amor. Como reconhecimento, não recebo da maior parte deles senão ingratidões, pelas suas irreverências, sacrilégios, e pela tibieza e desprezo que têm para comigo na Eucaristia”.

A Eucaristia, um milagre

Sou apaixonado por falar de Jesus Sacramentado. É um grande milagre tê-lo entre nós com a Eucaristia… Parece-me que foi São João Paulo II quem disse:

“A Eucaristia é a carícia de Deus para a humanidade.”

A cada dia mais pessoas percebem esta realidade e fazem o que é preciso para consolar o bom Jesus e que ele não fique sozinho nos sacrários.

Tremenda solidão

Há alguns dias recebi uma carta de uma leitora da Aleteia. Amei suas palavras cheias de amor por Jesus no tabernáculo e, com sua permissão, compartilho-a com vocês. 

“Oi, como vai?Li seu post sobre o livro de Kempis na Aleteia e o final sobre compartilhar experiências relacionadas a Jesus Sacramentado. Há mais de 10 anos, fomos a um no noroeste do nosso país para uma visita de fim de semana em família.

Entramos para visitar uma capela pós-colonial muito antiga em frente a uma praça da cidade. Estava sem gente e num canto fora do altar estava a luz que anunciava Jesus Sacramentado ali no Sacrário…Senti uma solidão tremenda ao vê-lo sozinho, num lugar recôndito e escuro.

Senti que Jesus estava realmente sozinho no meio de um edifício enorme, totalmente vazio e afastado. Jamais esquecerei aquela sensação de solidão e até de abandono que senti naquele momento.

Desde então essa lembrança me vem muitas vezes e eu o “acompanho” mentalmente, pensando nele e rezando espiritualmente por Ele à distância.

Desde então, na minha cidade, quando passo em frente a uma capela, desço do carro e o cumprimento. E se não consigo parar, faço-o mentalmente e agradeço-lhe por estar sempre ali à nossa espera.

Essa experiência me fez valorizar sua dedicação e agradecê-lo por sua infinita paciência e amor por estar lá, mesmo que o deixemos tão sozinho, tão abandonado, tão… esquecido.

Por isso quis partilhá-lo, para que estejamos mais conscientes da sua presença real ali, e que ao passar em frente a qualquer templo de carro, de bicicleta ou a pé, que possamos cumprimentá-lo por dentro e agradecê-lo por tanto amor. Porque lá está ELE, mesmo que não o vejamos. Da próxima vez, enviarei seus cumprimentos também. Abraços e bênçãos.”

Visitar jesus

Caro leitor, agora é a sua vez! Por favor, não o deixe sozinho. Não deixe Jesus sozinho nos tabernáculos perto de sua casa, do seu trabalho ou do local de férias.

Vá visitá-lo, faça-lhe companhia, reze com Ele, diga-lhe que o ama e, por favor, quando o vir, diga-lhe: “Cláudio manda lembranças, Senhor.”

Tags:
EucaristiaJesusSacramentos
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia