Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sábado 13 Abril |
Aleteia logo
Religião
separateurCreated with Sketch.

Estudo sobre religião nos EUA mostra números surpreendentes

PEOPLE SING IN CHURCH

Joe Raedle | Getty Images via AFP

John Burger - publicado em 05/12/22

Um grupo impulsionou a Igreja Católica dos EUA com 2 milhões de membros durante a última década. O maior grupo da Igreja Católica dos Estados Unidos. Veja aqui:

Os imigrantes hispânicos nos Estados Unidos deram à Igreja Católica um impulso de 2 milhões de membros durante a última década, diz uma nova pesquisa.

Com 61 milhões de aderentes em mais de 19.000 igrejas, os católicos são cerca de 19% da população dos EUA – a maior instituição religiosa do país – de acordo com o Censo Religioso dos EUA (USRC), um estudo realizado a cada 10 anos pela Associação de Organismos Religiosos Americanos.

Em todo o espectro religioso, existem 356.739 congregações religiosas nos Estados Unidos. Isto é uma para cerca de cada 934 pessoas que vivem nos Estados Unidos. Mas com 161 milhões de adeptos de alguma fé no país, o tamanho médio geral das congregações é de cerca de 451.

Desde 1952, a Associação de Organismos Religiosos Americanos tem emitido tal relatório a cada 10 anos. Seu último relatório foi publicado em 11 de novembro, abrangendo os anos 2010-2020. Ele reúne informações de organismos religiosos e mapeia o número de congregações e aderentes em nível de município.

O Censo Religioso dos EUA foi originalmente conduzido pelo governo dos EUA em cinco relatórios especiais, de 1890 a 1936. Em 1952, o Conselho Nacional de Igrejas organizou seu próprio censo religioso, que foi repetido em 1971 e 1980 com forte apoio do Glenmary Research Center.

Desde 1990, o censo tem sido conduzido pela Associação de Organismos Religiosos Americanos. A cobertura agora inclui muitos grupos não cristãos, assim como contagens especiais para tradições religiosas que não têm pontos centrais de coleta de dados, tais como igrejas não confessionais ou comunidades muçulmanas e judaicas.

O último estudo também descobriu isto:

  • A Igreja Católica é a maior denominação em 1.231 condados (os EUA têm 3.143 condados).
  • Os organismos não-cristãos continuam a aumentar sua presença. O número de muçulmanos, por exemplo, aumentou de 2,6 milhões para 4,5 milhões. A USRC inclui contagens de congregação de outros cinco organismos não cristãos, e contagens de congregação e aderentes para Baháʼí, três grupos budistas, três grupos hindus, e quatro grupos judeus.
  • Os cristãos ortodoxos orientais aumentaram, mas os ortodoxos orientais diminuíram.
  • Os batistas do sul têm a maioria das igrejas de qualquer grupo religioso: 51,379.
  • Existem cerca de 44.319 igrejas não confessionais, um salto de quase 9.000 há mais de 10 anos, e cerca de 9 milhões de adeptos.
  • Batistas do Sul e Metodistas Unidos perderam cada um 2 milhões de membros de 2010 a 2020.

“As marcas denominacionais enfraqueceram, e as divisões aumentaram sobre questões como o clero feminino ou a orientação sexual”, disse Scott Thumma, diretor do Hartford Institute for Religion Research. “Isto provavelmente levou alguns adeptos a buscar ou mesmo iniciar novas igrejas não denominacionais”.

Rich Houseal, secretário-tesoureiro da Associação de Organismos Religiosos Americanos, disse que os dados também são úteis para as empresas. O Walmart, por exemplo, entrou em contato com ele para ajudar a determinar quais livros estocar em suas lojas com base no grupo religioso dominante em um condado.

Pesquisadores disseram que entre os 212 organismos religiosos participantes nos USRC de 2010 e 2020, o número de congregações aumentou 2,2% e o número de aderentes aumentou 6,5%, enquanto a população total dos EUA aumentou 7,4% durante este tempo.

Tags:
CatólicosIgrejaReligião
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia