Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sexta-feira 27 Janeiro |
São João Maria, chamado Muzei ou Ancião
Aleteia logo
Histórias Inspiradoras
separateurCreated with Sketch.

Letícia Cazarré faz reflexão após médicos dizerem que sua caçula seria “incompatível com a vida”

Letícia Cazarré com a filha Maria Guilhermina no hospital

Letícia Cazarré | Instagram

Letícia Cazarré com a filha caçula Maria Guilhermina no hospital

Reportagem local - publicado em 05/01/23

"Essa reflexão serve para todos os assuntos da vida - inclusive para quem tem muito medo do que virá pela frente no futuro do país e do mundo"

Letícia Cazarré compartilhou via rede social, nesta quarta-feira, 4, a reflexão que escreveu em 25 de agosto passado, após os médicos dizerem que a sua filha caçula, Maria Guilhermina de Guadalupe, seria “incompatível com a vida”.

A pequena, que está hoje com 6 meses de vida, nasceu com a Anomalia de Ebstein, uma doença congênita rara no coração que já lhe exigiu diversos procedimentos e que ainda a mantém internada em UTI.

Maria Guilhermina é a mais nova dos cinco filhos de Letícia com o ator Juliano Cazarré. Enquanto a jovem mãe se dedica integralmente aos cuidados da bebê, Juliano tem tomado conta de Vicente, Inácio, Gaspar e Maria Madalena nestas circunstâncias especialmente desafiadoras para a família.

O casal testemunha frequentemente a sua fé católica nas redes sociais.

Quanto à reflexão de Letícia diante do prognóstico doloroso dos médicos para a sua caçula, eis o que ela compartilhou:

“Escrevi essa reflexão numa nota de celular dia 25 de agosto do ano passado. Maria Guilhermina tinha passado pela pior intercorrência que poderia acontecer com ela, segundo os médicos: incompatível com a vida. Um deles (que hoje posso chamar de amigo e anjo da guarda) me disse na época: Deus a segurou por um fio. E era verdade mesmo.

Mas essa minha reflexão, que vou transcrever aqui, serve também para todos os assuntos da vida. Serve, inclusive, para quem tem muito medo do que virá pela frente no futuro do país e do mundo”.

Ela então revela o que tinha escrito naquela ocasião:

“Nunca sabemos o que nos guarda o dia de amanhã, embora a maioria de nós viva com a sensação de poder controlar os acontecimentos. Lembro quando, na faculdade, uma professora nos trouxe um estudo mostrando que 90% da rotina planejada para o dia seguinte não se cumpria do jeito, na ordem e/ou no horário imaginado. 90%!! Como disse o gênio Camões, viver não é preciso. Nos momentos mais difíceis até aqui, sempre procuro lembrar disso. A angústia vem das conjecturas, do que pode acontecer de pior, do quanto ainda teremos que sofrer. Mas por que sofrer antecipadamente, se não sabemos o que vem pela frente? Uma grande amiga hoje me deu o melhor conselho: sofrer cada situação a seu devido tempo, não antes. Ou, como diz São Francisco de Sales, ‘Não se preocupe com o que pode acontecer amanhã; o mesmo Pai eterno que cuida de você hoje, se encarrega de você amanhã e todos os dias. Ou Ele protegerá você do sofrimento, ou lhe dará a força infalível para suportá-lo'”.

Além de compartilhar esta reflexão, Letícia atualizou seus seguidores sobre o estado de saúde de Maria Guilhermina:

“Depois de uma virada de ano emocionante na UTI (à la Maria Guilhermina), hoje esse docinho acordou bem melhor. Em seu primeiro Natal, Maria Guilhermina deseja a todos vocês muito amor, paz e alegria. Muito obrigada por terem rezado por nós, mandado mensagens de apoio e carinho e por se lembrarem dela com tanta frequência. Dizem que lembrar-se de alguém com carinho é como fazer uma oração por essa pessoa. Que Deus aceite as orações e as lembranças que brotaram dos vossos corações. Viva o menino Jesus!”.

Tags:
BebêsFamíliaTestemunhoVida
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia