Aleteia logoAleteia logoAleteia
Terça-feira 23 Abril |
Aleteia logo
Religião
separateurCreated with Sketch.

Papa Francisco reza por padre nigeriano que morreu queimado

Papa Francisco

© RICCARDO DE LUCA / ANADOLU AGENCY / Anadolu Agency via AFP

J-P Mauro - publicado em 19/01/23

Estima-se que 1 em cada 7 cristãos viva sob perseguição em todo o mundo: 89% dos assassinatos de cristãos ocorrem na Nigéria

Na audiência geral desta semana, o Papa Francisco rezou pela alma do padre Isaac Achi, nigeriano, que morreu queimado em sua própria casa paroquial neste domingo, 15 de janeiro. Além do pe. Isaac, o Papa rezou por todos os cristãos que enfrentam perseguição no mundo inteiro.

O ataque

Segundo a Reuters, a paróquia foi incendiada por um grupo de pistoleiros cujas motivações ainda não foram esclarecidas. O caso é mais uma tragédia na longa lista de ataques a padres, religiosas e fiéis católicos no norte da Nigéria, uma região predominantemente muçulmana.

O Vatican News relata que um segundo sacerdote, o padre Collins Omeh, estava no local e conseguiu escapar do incêndio, mas não teve tempo de ajudar o pe. Isaac. Do lado de fora, os agressores lhe apontaram suas armas e o agrediram. Ele está hospitalizado e responde bem ao tratamento.

O bispo dom Antonio Guido Filipazzi, núncio apostólico na Nigéria, declarou ao Vatican News:

“Os dois padres, quando já estavam feridos e a casa prestes a ser incendiada, se confessaram enquanto se preparavam para a morte. Um deles morreu e o outro, felizmente, está se recuperando. E assim, mesmo na escuridão do ódio e da dor, existe aquela fé que é mais forte que a morte”.

Um relatório da iMedia observa que, poucas horas depois, ocorreu outro incidente, desta vez no noroeste da Nigéria, no qual terroristas atacaram uma igreja no momento em que os paroquianos se preparavam para a missa. Os agressores fizeram cinco reféns e atiraram no padre antes de fugir com as vítimas sequestradas.

Papa Francisco

Na quarta-feira, o Papa Francisco lamentou a perda de mais um clérigo nigeriano, situação que se tornou muito comum naquele país.

O Índice Mundial de Perseguição aos Cristãos cita a Nigéria como um dos piores países do mundo em termos de violência contra os cristãos na atualidade. Estima-se que 89% de todos os assassinatos de cristãos no planeta aconteçam hoje na Nigéria. O relatório acrescenta que, globalmente, 1 em cada 7 cristãos vive sob perseguição em algum lugar do mundo.

O papa convocou os fiéis a rezarem pelos cristãos que enfrentam perseguição:

“Peço a todos que rezem comigo pelo padre Isaac Achi, da diocese de Minna, no norte da Nigéria, assassinado no domingo passado em sua casa paroquial. Quantos cristãos sofrem violência na própria carne! Rezemos por todos eles”.

Tags:
PadresPapa FranciscoPerseguiçãoViolência
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia