Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sexta-feira 27 Janeiro |
São João Maria, chamado Muzei ou Ancião
Aleteia logo
Estilo de vida
separateurCreated with Sketch.

Esqueça Marie Kondo: tente esta abordagem católica para a organização da casa

mother organizing kids toys

Kostikova Natalia / Shutterstock

Zoe Romanowsky - publicado em 20/01/23

Melhorar a organização da casa está na sua lista de resoluções para este ano? Se você quer ter sucesso, não se esqueça deste passo

Ano novo, tudo novo! Certo? Bem, talvez algumas coisas permanecerão bem do jeito que estão… Mas há algo em que você pode esperar alguma melhoria neste ano: são seus hábitos de organização pessoal.

Sua casa poderia ficar menos bagunçada? Há muitas caixas espalhadas? Você gostaria de ver sua mesa arrumada? E o quarto do seu filho?

Não faltam dicas e filosofias de organização por aí. Uma das abordagens mais conhecidas é a de Marie Kondo. Muitas pessoas, inclusive eu, se beneficiaram de algumas de suas dicas. Mas, olhando ao redor da minha casa, é óbvio que a filosofia dela não penetrou realmente em meus hábitos de vida. E acho que sei o motivo.

Olhando por baixo

Na vida cristã, o discernimento é importante. O Papa Francisco fala bastante sobre isso. Existem vários passos para discernir qualquer situação ou decisão, mas um aspecto é tornar-se consciente do que realmente está acontecendo sob a superfície. Os hábitos que compõem nossa vida diária não são exceção. Existem razões pelas quais fazemos o que fazemos, mesmo quando parecem atividades bastante mundanas.

Uma organizadora profissional e popular chamada Star Hansen, que dá aulas sobre organização doméstica, concorda. Ela afirma que “o que se torna desordem e onde ela se acumula diz muito sobre o que está acontecendo com você”. Veja o que ela ensina:

“Se você tem pilhas indesejadas de coisas se acumulando em sua casa, pergunte-se: ‘O que está dificultando isso?’

Muitas vezes, o tropeço é por se apegar ao passado ou querer uma realidade diferente daquela em que estamos vivendo.

Por exemplo: aquele blazer que não serve há anos talvez revele um anseio pela sua antiga profissão. Aqueles 20 pares de pauzinhos na gaveta da sua cozinha talvez estejam falando sobre sua culpa em relação ao desperdício e à sustentabilidade. 

Quando você entende as razões por trás de sua desordem, diz Hansen, é muito mais fácil saber o que manter e o que jogar fora.”

Embora preguiça, exaustão ou “temperamento artístico” possam desempenhar um papel nos hábitos de desorganização, culpar apenas a falta de virtude ou uma qualidade arraigada também pode ser uma desculpa. Isso pode te impedir de discernir os verdadeiros motivos pelos quais você faz o que faz. Quando você entender as motivações por trás de seus pensamentos e ações, poderá começar a abordá-las.

Que seja um processo

Hansen acredita que a organização doméstica é um processo contínuo. Você precisa dedicar um tempo para criar sistemas que funcionem para você – e, como muitas coisas, o que funciona para você pode não funcionar para mim e vice-versa. É aí que entra o discernimento e a criatividade contínuos. 

Talvez o segredo para se organizar este ano seja começar a dar uma olhada mais profunda e honesta no que você parece fazer continuamente. Você ainda está guardando essas calças porque sente falta do seu eu menor? Você está mantendo muita desordem por aí porque isso faz você se sentir mais seguro? 

Ao discernir o que está por trás de sua organização e hábitos de desordem, você pode decidir se realmente deseja fazer algo a respeito. Uma mudança ajudará você a ter mais tranquilidade ou a fazer mais? Isso permitirá que sua casa funcione com mais tranquilidade? Vai deixar seu espaço um pouco mais bonito? (Beleza importa!)

Hansen sugere começar pequeno, usando o que você tem e criando sistemas que você pode realmente manter. O processo importa tanto quanto o destino, e os sistemas que funcionam são aqueles que funcionam para você. Pode levar algumas tentativas e erros para descobrir quais são eles. Não há nada de errado nisso; é um trabalho em andamento. 

Portanto, não importa tentar seguir a filosofia ou abordagem de qualquer profissional para manter sua casa organizada.. Em vez disso, deixe que este seja o ano em que você trará algum discernimento para esta área de sua vida. E a partir daí, crie alguns novos sistemas e hábitos, mesmo que pequenos, que tragam mais paz e harmonia para você e sua família.

Tags:
CasaFamíliaPaz
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia