Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sexta-feira 23 Fevereiro |
Aleteia logo
Espiritualidade
separateurCreated with Sketch.

Esta santa brilhante pode ajudar você a “amar mais” em fevereiro

Santa Escolástica

By Zvonimir Atletic | Shutterstock

Zoe Romanowsky - publicado em 02/02/23

Santa Escolástica é a mentora perfeita para este mês em que começa a Quaresma

Fevereiro é um mês que evoca a Sagrada Família, pois se inicia com a apresentação de Jesus no templo, e que remete à Paixão de Nosso Senhor, pois normalmente é o mês em que começa a Quaresma. É também o mês dos namorados nos países que celebram o dia do amor na festa de São Valentim. E também é o mês de uma santa profundamente admirável pela perseverança no seu amor a Deus e ao próximo: Santa Escolástica, celebrada no dia 10.

O nome “Scholastica” vem do latim “schola“, ou seja, “escola”, e, portanto, se refere a educação, formação, erudição. E tudo isso ela teve de fato. Santa Escolástica era filha de nobres da Úmbria, na Itália, e irmã gêmea de ninguém menos que São Bento, cuja famosa Regra se tornou a base do monaquismo ocidental.

Os irmãos eram muito próximos e nutriam conversas maravilhosas. No último encontro de Bento e Escolástica antes da morte dela, a santa implorou que o irmão ficasse mais tempo. Ela não apenas o amava tanto que não queria deixá-lo partir, como também amava as conversas sagradas que mantinha com ele, sobre Deus e as realidades celestiais.

Naquela noite, em particular, ela implorou que ele permanecesse ao seu lado, mas ele argumentou que devia retornar ao mosteiro. Santa Escolástica, então, começou a rezar a Deus pedindo que deixasse o seu amado irmão ficar ali. Começou uma violenta tempestade que acabou por obrigá-lo a permanecer. É por isso, aliás, que a piedade popular considera Santa Escolástica a padroeira das tempestades – além de modelo de confiança nos frutos da oração e do amor devotado.

Pouco depois da sua conversa com o irmão, Escolástica morreu e Bento teve uma visão da sua alma ascendendo ao céu em forma de pomba. Ele a sepultou no túmulo que tinha planejado para si mesmo.

Santa Escolástica nos inspira a continuar serenos quando alguém nos nega um pedido, preferindo colocar a nossa súplica nas mãos de Deus; a conversar com os outros sobre Deus e as coisas do alto; a celebrar a alegria e a paz da vida espiritual. Ela é suavemente frágil, e, mesmo assim, é modelo de tenacidade, piedade e amor.

Aqui estão três lições para aprendermos com Santa Escolástica:

Lição 1

“Se os homens conhecessem a paz de que desfrutam os bons religiosos, o mundo inteiro se tornaria um mosteiro”.

Torne a sua casa um pouco mais parecida com um mosteiro. Não se trata de aderir à tonsura e às rígidas regras disciplinares, mas sim de adotar uma rotina de contemplação serena. Começar em fevereiro pode significar a conquista de um ambiente muito mais tranquilo ao longo de todo o ano.

Como fazer isso? Aumente a paz doméstica dedicando mais tempo à espiritualidade. Abra o catecismo e a Bíblia; leia vidas de santos; estabeleça horários e lugares para orar com mais facilidade, em privado ou em família. Você colherá os frutos, pois muitas graças advêm da oração em grupo. Reze o terço em família, por exemplo, todas as noites antes de dormir, e encerre com uma passagem das Escrituras ou do Ofício Divino.

Recorra também ao irmão gêmeo de Santa Escolástica: a medalha de São Bento pode ajudar você a desfrutar de profundas graças espirituais.

Lição 2

“Falemos até de manhã sobre as delícias do Espírito”.

Esta citação nos inspira a manter conversas edificantes sobre Deus e a vida espirital. Não precisamos varar a madrugada conversando sobre assuntos profundíssimos, mas é muito frutífero dedicar tempos frequentes a falar mais das coisas celestiais e menos das coisas terrenas.

Precisa de ajuda para pensar em temas? Comece compartilhando com algum amigo a leitura de um livro católico, de preferência um clássico espiritual. Ou, em vez de ficar vendo TV, converse em casa sobre Deus, acompanhando-se de uma taça de vinho ou de uma xícara de chá. O importante é começar – e ir aprofundando.

Lição 3

“Eu te pedi e não quiseste ouvir, então pedi a Deus e Ele ouviu”.

Como Santa Escolática, devemos confiar em Deus e falar com Ele dos nossos problemas, procurando a “paz de Deus que excede todo entendimento”. E não espere: você pode falar com Ele a qualquer hora. Uma bela maneira? Participe da Adoração Eucarística e deposite as suas preocupações diante do Senhor, confiando na Sua vontade divina e na Sua orientação amorosa.

Aqui vão algumas perguntas que podem ajudar você a viver mais profundamente este mês, junto com Santa Escolástica:

  • Como você pode tornar o seu lar mais sereno e envolto em oração?
  • Com quais pessoas você pode manter boas conversas espirituais?
  • Quando você conversou com Deus pela última vez sobre um problema que ninguém mais poderia ajudar a resolver?
Tags:
EspiritualidadeOraçãoSantos
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia