Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sábado 24 Fevereiro |
Aleteia logo
Espiritualidade
separateurCreated with Sketch.

Por que o livro “História de uma Alma” é um best-seller

Este artigo é exclusivo para os membros de Aleteia Premium
Santa Teresinha do Menino Jesus

Carmel de Lisieux I Shutterstock I Montage Canva

Marzena Devoud - publicado em 14/02/23

Clássico da espiritualidade, a obra de Santa Teresinha do Menino Jesus está entre os 10 livros mais vendidos do mundo

Laure, uma jovem designer de 26 anos, hesita. Ela vira a tela na qual cerca de 15 edições diferentes de “História de uma Alma“, de Santa Teresinha do Menino Jesus, estão lado a lado. Não é fácil para a jovem escolher. “No meu grupo de oração, no ano em que se comemora o 150º aniversário do nascimento de Santa Teresinha, decidimos descobrir seus textos, então quis começar com seu best-seller”, disse ela à Aleteia. A designer, finalmente, decide comprar a versão em brochura, “barata e fácil de colocar na bolsa”.

De fato, desde 2 de janeiro de 2023, 150º aniversário do nascimento de Santa Teresinha, as vendas de seu livro na França, país onde nasceu a santa, foram maiores do que na mesma época, em 2022. “Certamente, o início deste ano jubilar teve seu impacto, apesar de que aqui, este livro sempre vende bem”, explica Mathilde Mahieux, responsável pela seção religiosa da prestigiada livraria parisiense La Procure

Celebrada pela UNESCO como “figura da paz” em 2023, a carmelita, que foi declarada Doutora da Igreja, tem despertado fervorosa devoção em todo o mundo. Sua popularidade permanece inigualável, e sua obra-prima da espiritualidade está entre os 10 livros mais vendidos do mundo: 500 milhões de cópias já foram publicadas. Traduzido para mais de 50 idiomas, constantemente estudado e comentado, o livro continua sendo uma fonte permanente de inspiração.

Mas quais são as razões desse inabalável sucesso editorial, 150 anos após o nascimento da religiosa carmelita? O que faz “História de uma Alma” tocar tantos leitores, quaisquer que sejam suas culturas e tradições?

“A vida de uma carmelita que morreu aos 24 anos não interessaria a ninguém. ‘A História de uma Alma’ é um best-seller mundial porque [neste livro] Thérèse de Lisieux não conta a história de sua vida, mas a obra de Deus em sua vida. É muito mais que uma autobiografia! A partir do momento em que ela tomou essa decisão, seu texto simples, autêntico, intimista e bem-humorado tornou-se universal”, diz Hélène Mongin, escritora e editora das Éditions Emmanuel.

No entanto, há outro fato que explica tanto interesse. Segundo Hélène Mongin, “Teresinha desencadeou uma revolução na espiritualidade de seu tempo. Quando criança, ela só foi informada sobre o pecado. Ela foi apresentada a um Deus vingativo, cuja ira recairia sobre os pecadores. No entanto, sem inventar nada, Teresa redescobriu o Evangelho e contemplou a misericórdia de Deus. Teresa não se oferece à justiça do Senhor para salvar os pecadores, mas oferece-se à sua misericórdia. Ao virar tudo de cabeça para baixo, Santa Teresinha tocou o coração das pessoas”, explica a editora.

Finalmente, a terceira razão pela qual o livro é um best-seller mundial tem a ver com a imagem de santidade proposta pela carmelita. Esta imagem também é revolucionária. “Até o tempo de Teresa, os santos tinham que ser exemplos heróicos de virtude ou martírio. A santidade era alcançada pelo trabalho árduo. Teresa revelou que a santidade consiste em viver as coisas comuns com um amor extraordinário. É o seu famoso jeitinho de amor que mostra que a santidade está aberta a todos”, diz Mongin.

Uma história de amor

“História de uma Alma” é um relato em primeira pessoa do amor tecido entre Jesus e Santa Teresinha do Menino Jesus. Esse é o segredo. E talvez seja por esse segredo revelado pela carmelita que obra não seja apenas um livro. Seus fãs estão convencidos: ler seu livro é conhecer a santa. Ela tem um jeito muito especial de se fazer presente.

“É bastante misterioso, mas os leitores têm uma relação amigável com ela. Teresa é uma amiga, uma confidente, uma irmãzinha”, disse à Aleteia o livreiro do Santuário Carmelita de Lisieux. 

Em 2022, a livraria do santuário vendeu 7.000 exemplares do livro, incluindo todas as versões linguísticas. Com o ano do jubileu, as vendas parecem começar a melhorar. 

Sem dúvida, a influência espiritual de Santa Teresinha do Menino Jesus continuará a transformar vidas. 

Este artigo é exclusivo para os membros Aleteia Premium

Já é membro(a)? Por favor,

Grátis! - Sem compromisso
Você pode cancelar a qualquer momento

1.

Acesso ilimitado ao conteúdo Premium de Aleteia

2.

Acesso exclusivo à nossa rede de centenas de mosteiros que irão rezar por suas intenções

3.

Acesso exclusivo ao boletim Direto do Vaticano

4.

Acesso exclusivo à nossa Resenha de Imprensa internacional

5.

Acesso exclusivo à nova área de comentários

6.

Anúncios limitados

Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Apoie o jornalismo que promove os valores católicos
Tags:
EspiritualidadeLivrosSantos
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia