Aleteia logoAleteia logoAleteia
Terça-feira 23 Abril |
Aleteia logo
Histórias Inspiradoras
separateurCreated with Sketch.

Tiktoker se encanta ao visitar convento e seu vídeo supera 1 milhão de visualizações

Irmãs de Maria Stella Matutina, no antigo Mosteiro da Trindade em Bergara, Espanha

@hoycomemosconisi

Merche Crespo - publicado em 16/03/23

Ela mostra a vida diária de austeridade e recolhimento de uma comunidade de freiras contemplativas

A tiktoker espanhola Isabel Sorribas tem um canal de receitas “fáceis, saudáveis ​​e muito saborosas”, a maioria vegetarianas. Mas, dias atrás, ela surpreendeu seus seguidores com um vídeo diferente: viajou de Madri, onde vive, para uma pequena cidade do País Basco, Bergara, com cerca de 15.000 habitantes.

Entre eles vivem 60 freiras contemplativas da Congregação das Irmãs de Maria Stella Matutina. Eles vivem no antigo Mosteiro da Trindade, que havia sido ocupado durante 500 anos pelas clarissas, até o deixarem em 2012.

Isabel foi visitar uma amiga que é freira nesta congregação relativamente recente, constituída em 2014 como associação pública de fiéis com vistas a se tornar instituto de vida religiosa.

Vida ao estilo “slow”

O vídeo de 2 minutos e meio superou um milhão de visualizações mostrando com estilo direto e simples o dia-a-dia dessas irmãs. Isabel conta que foi até o mosteiro “para se acalmar um pouco” e experimentar uma “vida slow”, conceito que “está muito na moda hoje, mas que as freiras têm vivido a vida toda”.

Trata-se de um conceito relacionado a diminuir o ritmo da vida moderna e adotar rotinas mais equilibradas e livres da pressa. O termo “slow” significa “devagar”, em inglês.

A tiktoker se mostra encantada com a tranquilidade e o silêncio do mosteiro. Apesar do frio, participa do café-da-manhã na varanda, de onde se ouve o canto dos pássaros, se sente o cheiro da lenha queimada e se tem uma esplêndida vista das montanhas que cercam a cidade.

No mosteiro não há sistema de aquecimento nem microondas na cozinha. O leite, portanto, é aquecido numa panela. Isabel observa que os kiwis que come no café-da-manhã vêm do pomar do próprio mosteiro. De fato, as comunidades desta congregação se mantêm graças a donativos e à venda de seus produtos artesanais. As freiras também têm galinhas que lhes fornecem todos os dias os ovos necessários para fazer seus doces e biscoitos – que elas também vendem.

As freiras

O carisma das Irmãs de Maria Stella Matutina é contemplativo, mas sem clausura monástica; ou seja, elas participam ativamente de encontros de evangelização e vivem no meio do mundo. Seu site informa: “Nossa vida, enraizada na tradição monástica, é marcada pela oração do Ofício Divino, adoração eucarística, trabalho manual e estudo bíblico, filosófico e teológico. Fazemos com que esta vida simples e genuína assuma todas as dimensões da pessoa humana e favoreça o seu desenvolvimento“.

As irmãs estão abertas a receber todos os que queiram compartilhar com elas essa vida de oração e formação. Elas mesmas convidam todos os que desejam a “vir recuperar as forças sob a proteção dos nossos mosteiros”.

“Pouco crente”

@hoycomemosconisi♬ sonido original – Isabel Sorribas

Embora Isabel se declare “pouco crente” e afirme que “o meu nível de fé é subterrâneo”, não hesita em participar com as freiras na Santa Missa e nos momentos de oração. Reconhece que “os seus pensamentos estão em total desarmonia”, mas afirma que, nos ritos monásticos, encontra “algo que não sei o que é” e que lhe dá muita paz.

Entre os comentários ao vídeo, esta é a sensação mais mencionada: paz e tranquilidade. “Seu vídeo me transmitiu muita tranquilidade e paz. Adorei. Obrigada”. “Talvez seja nisso que consiste estar em paz com Deus e talvez a fé seja a sensação que te invade”. “Esse ‘algo que não sei o que é’ se chama Deus”.

Alguns seguidores pedem que a amiga freira de Isabel reze por alguma intenção. Outros querem saber o que significa ser uma freira contemplativa. Há ainda aos que elogiam a amizade da tiktoker com a freira e até invejam a sua experiência de estar “num pedacinho do céu”, reconhecendo que “as irmãs são muito especiais porque passam muito tempo contemplando o Senhor”.

O Mosteiro da Trindade se localiza na cidade velha de Bergara, na província de Guipúzcoa, e suas origens remontam a 1513.

Confira outra história vocacional, mas cujo processo de discernimento levou a outro tipo de desfecho:

Tags:
freirasRedes sociaisTestemunhoVocação
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia