Aleteia logoAleteia logoAleteia
Domingo 21 Abril |
Aleteia logo
Histórias Inspiradoras
separateurCreated with Sketch.

Gabriel, o atleta com síndrome de Down e “mensageiro de Deus”

GABRIEL-COBB-INSTAGRAM.jpg

gabriel.cobb_tri21 I Instagram

Gabriel Cobb.

Bérengère de Portzamparc - publicado em 11/04/23

Ele foi convidado a falar na sede das Nações Unidas e apresentou-se simplesmente como "Gabriel, mensageiro de Deus e sem limites"

O jovem americano Gabriel Cobb tem síndrome de Down, é atleta de triatlo e porta-voz junto às Nações Unidas. Ele foi convidado a falar para um grupo da ONU, que se reuniu durante vários dias para refletir sobre os desafios enfrentados pelas famílias que criam crianças com diferentes expectativas e estágios de desenvolvimento.

View this post on Instagram

A post shared by Gabriel Cobb (@gabriel.cobb_tri21)

E por que o testemunho de Gabriel foi tão importante? Porque o jovem é um esportista reconhecido, já que, desde 2018, já completou nove provas de triatlo.

“Meu maior desafio é a falta de tônus ​​muscular. Afeta todos os músculos do meu corpo e preciso de 30% a mais de energia para fazer uma atividade”, disse Gabriel, antes de agradecer seus treinadores, sua família e seus amigos, que o incentivaram a ultrapassar os limites. “Rezo para Deus dar a eles alegria e inspiração”, acrescentou o jovem sem esconder sua grande fé.

“Mensageiro de Deus”

Católico praticante, Gabriel já havia sido convidado para palestrar em evento semelhante há três anos, mas teve que ser cancelado por causa da Covid. Seus pais, que sempre o acompanham, veem isso como um sinal. “Nunca pretendi vir para Nova York, mas rezei por isso e hoje ele está mais confortável e confiante”, conta a mãe. 

O pai dele admite ainda ter dificuldade em acreditar que o filho falou na ONU: “Gabriel não é um orador profissional, mas de alguma forma Deus acha que ele tem uma mensagem para compartilhar.”

Os pais disseram que antes de chegar às Nações Unidas, a família parou em uma igreja para rezar. Isso é confirmado pela principal parte interessada. “Minha fé é a parte mais importante da minha vida. Gosto de assistir à missa todos os dias e proclamá-la em alto e bom som. Afinal, eu sou Gabriel, o mensageiro de Deus”, diz ele com uma gargalhada. 

Importância da família

Diante do público, Gabriel fez questão de destacar o papel da família em sua vida. “Tenho pais amorosos que sempre mantiveram a cabeça erguida”, afirmou.

Enquanto ele falava, uma tela de fotos rolava sobre seu ombro direito e ele comentava sobre suas diversas atividades: limpar a casa com o pai, tocar piano, ler com a mãe, dedicar-se ao esporte.

“O fato de termos chegado até aqui, de meu filho poder ter uma vida plena, de ter oportunidades, tanto na escola quanto em todas as outras áreas, e de agora ser chamado para falar nas Nações Unidas, é uma linda mensagem de esperança e apoio para todas as famílias envolvidas”, confidenciou o pai. 

“Como sociedade, percorremos um longo caminho em nossa compreensão e valorização das pessoas com necessidades especiais ou outras habilidades. Com certeza, a contribuição de Gabriel é uma bela mensagem para a sociedade como um todo”, acrescentou.

E a palavra final vai para o herói do dia: “Tenho síndrome de Down, mas não tenho limites!”

Tags:
Síndrome de downSuperação
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia