Aleteia logoAleteia logoAleteia
Domingo 21 Abril |
Aleteia logo
Espiritualidade
separateurCreated with Sketch.

A explicação de Jesus sobre por que pecamos com mais frequência à noite

Criança no tablet à noite

MPIX | Shutterstock

Philip Kosloski - publicado em 18/04/23

Depois que o sol se põe, parece que achamos que Deus não "verá" os nossos pecados

Embora o pecado possa acontecer a qualquer hora do dia, a experiência humana parece confirmar que somos tentados a pecar com mais frequência à noite, depois que o sol se põe.

Mas por quê?

Até Jesus aborda o assunto no Evangelho de João:

“Ora, este é o julgamento: a luz veio ao mundo, mas os homens amaram mais as trevas do que a luz, pois as suas obras eram más. Porquanto todo aquele que faz o mal odeia a luz e não vem para a luz, para que as suas obras não sejam reprovadas. Mas aquele que pratica a verdade vem para a luz. Torna-se assim claro que as suas obras são feitas em Deus” (João 3,19-21).

As palavras de Jesus têm camadas e mais camadas de significado, mas Ele destaca a realidade de que a escuridão nos dá a ilusão de que os nossos atos pecaminosos seriam de alguma forma “escondidos” da vista de Deus apenas porque ficam ocultos à vista humana.

Não é de surpreender que muitos atos de vandalismo, roubo e assassinato ocorram à noite, quando as sombras oferecem “proteção”. O mesmo parece aplicar-se a outros pecados, como o consumo de pornografia ou o cometimento de adultério. A escuridão nos ilude com a ideia de que estamos menos sujeitos a ser vigiados.

Mas Deus nos vê também no escuro.

Da próxima vez que formos tentados após o pôr-do-sol, lembremo-nos das palavras de Jesus e comportemo-nos como quem está sempre à luz, com todas as suas obras expostas Àquele que é a própria Luz.

Tags:
DeusEspiritualidadeJesusPecado
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia