Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quarta-feira 24 Abril |
Aleteia logo
Cultura & Viagem
separateurCreated with Sketch.

A origem cristã da frase “A Força esteja com você”, de Star Wars

Guerra nas Estrelas (Star Wars)

Lucas Films | Disney

Guerra nas Estrelas (Star Wars)

Philip Kosloski - publicado em 05/05/23

Quando George Lucas escreveu estas palavras icônicas, ele se inspirou numa frase muito semelhante que é usada desde o início do cristianismo

A mais célebre das frases “jedi” usada nos filmes da franquia Guerra nas Estrelas (“Star Wars“) é “A Força esteja com você” (“May the Force be with you“). Ela aparece em todos os filmes da franquia desde 1977 e se tornou uma parte central do universo de “Star Wars“.

O que poucas pessoas observam é que, quando George Lucas escreveu estas palavras icônicas, ele se inspirou numa frase muito semelhante que é usada desde o início do cristianismo.

“O Senhor esteja convosco”

Encontramos a frase pela primeira vez no livro de Rute 2, 4: “Booz acabava de voltar de Belém e saudou os segadores: ‘O Senhor esteja convosco!’. ‘Deus te abençoe’ – responderam eles”. Segundo Christopher Carstens, em seu livro “Mystical Body, Mystical Voice: Encountering Christ in the Words of the Mass“, esta saudação do fazendeiro Boaz aos seus ceifeiros é “voltada àqueles que colhem o pão de cada dia trabalhando no campo; uma saudação aos peregrinos, como Rute, que vivem da terra de passagem. Era usada pelos hebreus em ocasiões cotidianas para expressar bons desejos no Senhor”.

A frase ganhou simbolismo ainda maior quando foi adotada pelos primeiros cristãos e utilizada no contexto da Missa, onde o verdadeiro “pão de cada dia” se faz presente no altar.

Mais evidências da frase sendo usada em ocorrências cotidianas são encontradas no livro das Crônicas, onde lemos que “o espírito do Senhor se apoderou de Azarias, filho de Oded. Este saiu ao encontro de Asa e lhe disse: ‘Escu­tai-me, Asa, com todo o Judá e Benjamim! O Senhor está convosco assim como vós estais com ele. Se vós o procurais, ele se manifestará a vós, mas se vós o aban­do­nardes, ele vos abandonará'” (2 Crônicas 15, 1-2).

Além disso, uma versão mais longa da frase pode ser encontrada nas cartas de São Paulo. Por exemplo, em 2 Coríntios, Paulo escreve: “A graça do Senhor Jesus Cristo, o amor de Deus e a comu­nhão do Espírito Santo estejam com todos vós” (2 Coríntios 13, 13). Paulo trunca a frase na sua segunda carta a Timóteo, onde escreve: “O Senhor esteja com o teu espírito! A graça esteja convosco” (2 Timóteo 4, 22).

A frase rapidamente tornou-se parte essencial da liturgia e da vida dos primeiros cristãos devido à sua base nas Escrituras e ao uso nas saudações cotidianas. Após a Reforma, os grupos protestantes mantiveram a frase e ela ainda pode ser ouvida nas liturgias anglicanas e luteranas. Os católicos até hoje usam as palavras em orações e em bênçãos dadas por diáconos e padres na liturgia.

George Lucas foi criado numa família metodista e pode ter ouvido a frase enquanto participava de alguma liturgia cristã. No livro “How Star Wars Conquered the Universe“, o produtor Gary Kurtz confirmou que a frase evoca intencionalmente uma bênção.

No fim das contas, os jedi de Guerra nas Estrelas dizem “Que a Força esteja com você” de forma muito semelhante ao uso de “O Senhor esteja convosco” por parte do povo judeu e dos primeiros cristãos. Não é coincidência: é um fato que nos recorda como a influência do cristianismo pode ser encontrada nos lugares mais improváveis.

Que o Senhor esteja convosco!

Tags:
BíbliaCinemaCristianismoCultura
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia