Aleteia logoAleteia logoAleteia
Terça-feira 16 Abril |
Aleteia logo
Histórias Inspiradoras
separateurCreated with Sketch.

Como a poderosa intercessão de São José transformou a vida deste casal

Barbara i Paweł Kociokowie

fot. arch. prywatne Barbary i Pawła Kocioków

#image_title

Dariusz Dudec - publicado em 30/05/23

Barbara Kociok, uma mãe polonesa, passou por muitas provações em seu casamento e como mulher. No entanto, sua confiança em Deus nunca vacilou. E a intercessão de São José ainda lhe trouxe muitas graças

São José é conhecido como o santo a quem se deve rezar para as pequenas e grandes preocupações da vida. Barbara Kociok não nega isso. Essa psicoterapeuta polonesa mora em Kalisz, uma cidade no centro da Polônia onde há um santuário especialmente dedicado a São José. Desde a infância, Barbara reza ardentemente para ele e lhe dá um lugar especial em sua vida espiritual. “Meus avós me ensinaram a rezar para São José. E foi assim que São José começou a se revelar para mim”, conta Barbara à Aleteia.

Quando era adolescente, ela rezava por um bom marido e parece achar que isso funcionou para ela: “Tenho um bom marido! Paul e eu estamos casados há 24 anos. Temos três filhas e dois outros filhos no céu. Temos um genro há menos de dois anos e uma neta há um mês. São José nos concedeu muitas graças em nosso casamento”, diz ela.

Uma mão amiga para encontrar um emprego

Em seus problemas cotidianos, São José provou ser uma grande ajuda para o casal, especialmente na busca de emprego para Paul. Isso durou um ano inteiro, durante o qual Paul recitou as ladainhas de São José, esperando pacientemente por uma oportunidade de emprego. Enquanto o casal estava em uma peregrinação a Medjugorje, Paul se deparou com uma oferta de emprego que combinava perfeitamente com seu plano de carreira. “Para nós, foi um sinal claro de Deus”, diz Barbara. Paul foi contratado algum tempo depois. Mas a intervenção de São José na vida desse casal não parou por aí, pelo contrário.

Apoio inabalável em tempos de doença

Em 2017, uma notícia terrível atingiu a família de Paul e Barbara quando o casal sofreu um grave aborto espontâneo. Barbara estava com câncer. No Domingo da Divina Misericórdia, sua família começou a rezar o Terço da Divina Misericórdia por ela. Fortalecida, ela foi para o hospital para fazer quimioterapia. Em 13 de maio de 2023, no 100º aniversário das aparições de Nossa Senhora em Fátima, Barbara decidiu responder ao chamado de Nossa Senhora aos três pastorinhos e oferecer seus sofrimentos pelas almas do purgatório e por aquelas que estavam longe de Deus.

A doença persistiu e Bárbara ficou exausta. Foi então que um de seus amigos, um padre, sugeriu que ela participasse de uma novena a São José. Pouco tempo depois, ao voltar do hospital, Barbara começou a rezar para seu filho, que havia morrido antes do nascimento, pedindo ajuda. “Pedi ao meu bebê que intercedesse por mim junto a Deus e que pedisse as graças de que eu precisava. Uma imagem surgiu em sua mente. “Vi a mãozinha de um bebê segurando algo para mim. Algo pequeno e marrom. Pensei que fosse chocolate. Uma fita azul estava amarrada na mão da criança”, ela conta.

Mas, cansada de seu dia no hospital, Barbara adormeceu quase que imediatamente. Quando acordou, contou ao marido o que havia visto. Não havia se passado nem meia hora quando o padre amigo deles bateu à porta. “Ele havia me trazido o escapulário de São José. Era o que eu imaginava ser chocolate, um pedaço de tecido marrom! E nele, uma imagem de José segurando Jesus em um manto azul”, lembra Barbara. Depois de receber o escapulário, Barbara continuou sua luta incansável contra a doença. Longe de recuar, a doença estava ganhando terreno. Um dia, ela sentiu uma dor intensa e incomum no abdômen. Como os médicos não conseguiam diagnosticar a natureza exata da dor, Barbara foi de hospital em hospital em busca de ajuda.

“Estou contando com você. Faça alguma coisa!”

“Certa manhã, enquanto estava deitada na cama do hospital recebendo uma transfusão de sangue, orei a São José: “Você é o santo padroeiro de uma boa morte. Aconteça o que acontecer, eu me entrego a você. Faça alguma coisa!”

Para a surpresa de todos, não demorou muito para que Barbara parecesse se recuperar. Os resultados de seus exames melhoraram gradualmente. Após mais duas etapas de quimioterapia, Barbara finalmente concluiu sua luta contra o câncer e se recuperou completamente. “Meu marido e eu estamos cientes da proteção especial que recebemos de São José”, admite Barbara. “Pedimos algo o tempo todo e ele nos ajuda.

Longe de guardar essa devoção para si mesmos, Paul e Barbara fazem questão de contar a todos ao seu redor sobre São José. Como a paciente com quem Barbara conversou quando estava no hospital: “Você estava lá para mim. O Senhor Deus o colocou em meu caminho para que pudéssemos rezar juntos, para que você pudesse me contar sobre o amor dele por você e pelos outros”, disse ela a Barbara, que quer mais do que nunca continuar a espalhar a devoção a São José ao seu redor. “Eu realmente gostaria de mostrar às pessoas como ele trabalha em nossas vidas.

Tags:
DevoçãoMilagreSantosSão José
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia