Aleteia logoAleteia logoAleteia
Domingo 03 Março |
Aleteia logo
Espiritualidade
separateurCreated with Sketch.

O remédio para a negligência, um dos maiores sofrimentos da vida

elderly-neglect-wheelchair.jpg

Ronnie Chua | Shutterstock

Peter Cameron - publicado em 11/12/23

Adão experimentou uma necessidade profunda no âmago de nossa humanidade - como Deus diz: "Não é bom que o homem esteja só"

Mesmo antes da Queda, Adão experimentou uma necessidade profunda no âmago de nossa humanidade – como Deus diz: “Não é bom que o homem esteja só” (Gn 2:18). O que Deus declara todos nós já sentimos. “Para ser eu mesmo, preciso de outra pessoa. Sozinhos, não podemos ser nós mesmos” (L. Giussani).

Há uma passagem contundente nas memórias do compositor Hector Berlioz. Ele escreve: “É difícil expressar em palavras o que sofri – o desejo que parecia estar arrancando meu coração pela raiz, a terrível sensação de estar sozinho em um universo vazio. Sofri agonias, lutando contra a sensação esmagadora de ausência, contra um isolamento mortal.”

A verdade simples é que “precisamos da presença em nossas vidas do que é real e permanente para que possamos nos aproximar Dele” (Joseph Ratzinger). A Sagrada Eucaristia é essa Presença. Nós nos aproximamos dela na Santa Comunhão. Essa Presença Real é um remédio real para nosso anseio, angústia e isolamento.

Em “Introdução ao Cristianismo”, o Cardeal Ratzinger reflete sobre um medo quase universal entre as pessoas: o de estar sozinho em um quarto com um corpo morto. Não podemos ser “convencidos” a abandonar esse medo. Mas ele aponta para uma coisa instantaneamente eficaz para acabar com esse medo: alguém que amamos estar conosco naquele quarto. A presença alivia nossos piores medos.

A presença é sempre uma aproximação de nosso desejo de acabar com as barreiras. Presença é saber que existem experiências que diminuem o medo da separação, da solidão e até da morte (Ralph Harper).

Uma das maiores formas de sofrimento é a experiência de negligência. Jeff VanVonderen escreve: “A negligência (não atender às necessidades quando presente ou não estar presente) diz: ‘Você não é importante o suficiente para que eu esteja aqui para você'”. O mistério da Eucaristia é o antídoto para a negligência. O Cristo Eucarístico nos assegura constantemente:

Você não está sozinho! Aqui está uma Presença da qual você pode se aproximar – real e permanente. Estou presente na Eucaristia para derrubar as barreiras que o impedem… para acabar com o domínio do medo. O que resta é a promessa perseverante… que nunca deixo de repetir: Você é importante o suficiente para que Eu esteja aqui por você.

Tags:
EucaristiaJesusMeditação
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia