Aleteia logoAleteia logoAleteia
Segunda-feira 26 Fevereiro |
Aleteia logo
Espiritualidade
separateurCreated with Sketch.

Um padre recorda neste fim de ano: as folhas caem, mas a árvore não morre

Homem pensando

wavebreakmedia | Shutterstock

Reportagem local - publicado em 13/12/23

O final do ano pode ser um período envolto em melancolia para muitas pessoas, mas é também um convite a reforçar a esperança

Para muitas pessoas, a aproximação do final do ano é envolta em melancolia.

Pode ser um período que desperta lembranças dolorosas de pessoas amadas que já partiram, ou certa sensação de frustração ou incompletude por metas que foram sonhadas, mas ainda não foram conquistadas como se desejava. Pode ser, também, um período em que se olha para o futuro com receio, com inseguranças, com muitas perguntas e poucas respostas. É, afinal de contas, um fim de ciclo, e, sempre que termina um ciclo, surgem naturalmente, com maior ou menor intensidade, sentimentos contraditórios.

É importante lembrar, porém, que se trata apenas disso: de um fim de ciclo. Houve coisas boas e nem tão boas, e pela frente vêm oportunidades e desafios – como em todo ciclo. Se diante deste cenário sentirmos que está pesando mais o pessimismo, é importante não permitir que este sentimento sufoque as esperanças e boas perspectivas que também existem – sempre existem!

Em sua rede social, monsenhor André Sampaio compartilhou uma reflexão sobre essas sensações que nos exigem uma decisão maior pela esperança:

“Muitas vezes as folhas caem, mas a árvore não morre. Ela suporta firme o inverno na certeza de que a primavera vai voltar trazendo folhas, flores e novos frutos. Por isso, não desanime diante das dificuldades. Deus está presente em cada estação da sua vida. Ainda que suas folhas caiam, você permanecerá de pé, pois o Senhor sustentará suas raízes.

Você pode fracassar ou perder, mas desistir jamais deve fazer parte do seu dicionário. Encare cada problema ou dificuldade como um novo desafio, que haverá de ser superado. A vida é dura pra quem é mole e o futuro a Deus pertence, então enfrente os desafios da vida de peito aberto, com muita fé, e Ele sempre guiará seus passos. Construa seu amanhã com sabedoria e atitude, sem medo das mudanças, com a certeza e a confiança do filho que anda de mãos dadas com seu pai”.

Tags:
EsperançaMedoSofrimento
Top 10
Ver mais
Boletim
Receba Aleteia todo dia