Aleteia

10 coisas que você pode fazer para ajudar um familiar deprimido

Girl - Woman - Sad - Depression - Comforted - Friend
© Estrada Anton
Compartilhar

Segundo as estimativas, a depressão afeta 350 milhões de pessoas em todo o mundo. Esta doença é difícil para a pessoa que a sofre. Mesmo que nem sempre o diga, precisa de apoio para melhorar

A depressão é profundamente isolante. A pessoa deprimida pode ser ferida ou exasperada por certas palavras e gestos considerados indelicados por pessoas em seu entorno. Aqui estão as 10 coisas a fazer se você quiser ajudar um familiar que está deprimido.

1. Simpatizar sem queixar, apoiar sem “entrar no jogo do outro” ou ceder à chantagem emocional. Escutar sem ser absorvido pelo “delírio” ou pela lamentação e responder positivamente: “Há uma solução e a encontraremos juntos”.

2. Alguns gestos afectuosos (dar a mão, abraçar, olhar, sorrir…) são muitas vezes mais eficazes do que “boas palavras”.

Worried - Woman - Comforting - Sad - Friend
© Antonio Guillem

3. Explicar às crianças que se a mãe ou o pai está triste, a culpa não é deles, é um episódio doloroso em sua vida, que a depressão é uma doença que pode ser curada, mas que é como uma larga corrida. Por isso, temos que ser pacientes.

Woman - Boy - Conversation - Speak
© Photographee.eu

4. Não deixar que a pessoa se encerre na sua solidão. Tente a todo custo que ela saia de casa para quebrar o seu isolamento: convide a visitas, passeios, compras… Permitir que conheça pessoas que se sentem bem.

GRADUATION
Shutterstock

5. Encorajar a mais pequena iniciativa e felicitar pela os “pequenos passos”.

6. Tentar manter a calma e não ter medo de estabelecer limites em caso de raiva injustificada. A depressão não desculpa tudo.

FRIENDS
Wavebreakmedia - Shutterstock

7. Não admitir o desleixo.

8. Evitar observações que empurrem a pessoa para o desamparo, tais como: “Você tem tudo para ser feliz! “Olha demasiado para o umbigo”, ou “Se Mexe um pouco!” o que é como incitar um amputado a correr.

9. Não deixar que a pessoa deprimida o esgote, saber como se distrair e “recarregar as baterias”. Não tenha vergonha de estar farto!

10. Rezar ao Senhor para que ele lhe dê a força para desempenhar bem o seu papel e para que ele conceda cura à pessoa doente.

Luc Adrian

Boletim
Receba Aleteia todo dia