Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sexta-feira 30 Outubro |
Santo Angelo de Acri

E se a solidão se tornasse sua amiga?

Shutterstock

Edifa - publicado em 25/11/19

Às vezes difícil de viver, a solidão é também uma fonte de grande riqueza, que não se encontra em nenhum outro lugar. Mas precisamos de aprender a não a temer

Cada um de nós pode estar sozinho em algum momento das nossas vidas. Esta solidão é sentida mais intensamente em certas circunstâncias, como depois das férias, quando a casa estava cheia de gente, ou quando nos encontramos pela primeira vez longe da família. Todos nós experimentamos momentos de solidão. As próprias crianças não são excepção. Começa à noite, se não compartilham o quarto com um irmão ou irmã. Eles ficam então relutantes em ir para a cama, precisamente porque temem ficar sozinhos. Mas este processo é necessário, como todas as outras experiências de solidão, mas sempre que sejam progressivas e adaptadas a todos, de acordo com a idade e o temperamento.

As vantagens da solidão

Nas paredes de um convento, um dia foi escrito: “demasiada solidão mata, um pouco de solidão traz vida”. Mesmo que seja essencial para uma criança aprender a ficar sozinha, é terrível para ela encontrar uma casa vazia todos os dias quando volta da escola e ficar lá por longas horas com seu computador como única companhia. Amansar a solidão só pode ser alcançado gradualmente, porque a solidão, às vezes severa, também é benéfica. Todos nós precisamos de solidão, em graus variados, mesmo que isso nos assuste, porque a nossa vida interior não pode se desenvolver sem uma certa quantidade de solidão e silêncio.

No entanto, se não desenvolvemos a nossa vida interior, se vivemos continuamente na superfície, não podemos ser plenamente nós mesmos, por isso não podemos realmente comunicar com os outros, permanecemos necessariamente em intercâmbios superficiais. E, claro, não podemos estar em contacto com Deus. Um mínimo de solidão é essencial se quisermos chegar às profundezas calmas da alma onde ela se recolhe e se silencia. Aí é onde Deus habita e onde o encontramos infalivelmente se residimos lá.

Solidão e solidão

Terrível é a solidão dos isolados, que não têm com quem falar e que morrem de não serem amados. A do misantropo, dobrado em sua torre de marfim, longe dos outros que ele despreza. Inútil, a que está cheia de barulho.

Mas infinitamente fecunda é a solidão do ermitão, sozinho com Ele, da velha senhora que ocupa seus dias rezando, do buscador ou do artista que está isolado para realizar o que ele leva dentro dele. Não é a solidão em si que é boa (ou má), é o que fazemos com ela e o que encontramos lá.

Como dominar a solidão?

WOMAN,HOME,COUCH
GettyImages

Para domar a solidão, é preciso primeiro se familiarizar com ela. Não pode domesticar o que está a fugir. É um círculo vicioso: aquele que tem medo da solidão faz tudo para nunca se encontrar sozinho, e quanto mais rejeita a solidão, mais a teme.

Para amar a solidão, ela deve estar cheia das nossas riquezas interiores. Mas para nos tornarmos conscientes destas riquezas, temos de estar sozinhos. É saltando para a água que aprendemos a nadar: é vivendo uma certa solidão que aprendemos a fazer face a ela.

Vamos fazer com que a vida dos nossos filhos tenha momentos “vazios”, sem ocupação, sem televisão, sem amigos, apesar de que eles pareçam aborrecidos, ou desperdiçando seu tempo sonhando. Caso contrário, acostumados a correr de uma atividade para outra, eles podem temer a solidão e nunca ser capazes de descobrir a solidão como uma amiga.

Christine Ponsard

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
IgrejaMeditaçãoOraçãosolidaoVirtudes
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
OLD WOMAN, WRITING
Cerith Gardiner
A carta de uma irlandesa de 107 anos sobre co...
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Ver mais