Aleteia
Quinta-feira 22 Outubro |
São Moderano

E se você pudesse falar com o seu anjo da guarda todos os dias?

Pexels

Edifa - publicado em 03/12/19

Todos nós temos um anjo da guarda que Deus colocou ao nosso lado para nos apoiar, defender e acompanhar diariamente. Mas como podemos acolher a sua presença nas nossas vidas?

A fé ensina que os anjos são criaturas espirituais, pessoas feitas de inteligência e liberdade. Quando os anjos aceitam o plano de amor de Deus por eles, sua semi-eternidade (desde que foram criados) é gasta louvando Aquele que os enche (como nossos santos) e, além disso, participando do governo dos homens, de acordo com as disposições da Providência. Eles cuidam de nós, em geral e em particular, e sabemos que um anjo é reservado a nossa vigilância. Mas podemos entrar em contacto com ele?

Qual é o propósito do nosso anjo da guarda?

O trabalho do nosso anjo da guarda é facilitar a nossa viagem para o Céu. Isto é, nos dar para ver Deus em todas as coisas e escolher a Ele em vez de tudo. Não consiste em nenhum tipo de seguro de vida. O anjo não evita uma falha, nem uma doença, minha própria morte, um erro de julgamento. Não me impede de agir no meu lugar. Ele me dá a possibilidade de me aplicar à minha acção, e a sua responsabilidade é conseguir se apagar o máximo possível para me deixar com a impressão de que eu fiz tudo. Ele educa sobre a responsabilidade, ao me aproximar de Deus.

Tal apagamento tem a consequência de nos ocultar qualquer forma de aparência visível e até mesmo de relacionamento interior. Isto é bom, porque Jesus declara “felizes” aqueles que crêem sem ver.

Fala e reza ao seu anjo da guarda

O mundo invisível, no entanto, não está inativo. Somos convidados, não a sonhar com anjos (sonhos que nos parecem inquietantes), mas a rezar aos anjos, e cada um com o seu. Não é nada retirar a Deus rezar a quem Ele delegou à nossa escolta. Pelo contrário, é para Lhe agradecer pela Sua magnificência.

Por isso, não hesite em incomodá-lo todas as manhãs, juntamente com uma elite de santos que são queridos, e em recomendar-nos a Deus através dele. Temos o direito de rezar àqueles que rezam por nós. Não é bom para um anjo permanecer inactivo. E quem sabe, falando com ele, se comparando com ele, tornando-o “cúmplice” de nossas boas obras, talvez ele nos dê a graça de sentir sua presença atenciosa.

Frei Thierry-Dominique Humbrech

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
AnjosOração
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
CARLO ACUTIS
John Burger
Como foram os últimos dias de vida de Carlo A...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
nuvens sinais
Reportagem local
Estão sendo fotografados "sinais do céu"?
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
st charbel
Reportagem local
Por acaso não está acontecendo o que São Char...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Ver mais