Receba o boletim diário da Aleteia gratuitamente no seu email.
Newsletter Aleteia: uma seleção de conteúdos para uma vida plena e com valor. Cadastre-se e receba nosso boletim direto em seu email.
Registrar

Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Enviar

Aleteia

As 6 regras de ouro para escolher bem seus padrinhos de casamento

MAŁŻEŃSTWO
IVASHstudio | Shutterstock
Compartilhar

Durante os preparativos para o seu casamento, você terá que fazer muitas escolhas decisivas. Escolher as pessoas certas como padrinhos é uma dessas decisões-chave

O papel de um padrinho de casamento é muito importante. Ele ajuda nos preparativos da cerimônia, testemunha a união do casal diante de Deus e deve ser um apoio para essa nova família que se forma, se necessário. Portanto, confiar esta missão a alguém próximo a você é um grande sinal de confiança. Para não cometer erros na hora da sua escolha, aqui estão algumas regras a seguir:

1. Para fazer a escolha certa, é importante sentir-se livre de qualquer obrigação social ou familiar. Só porque sua irmã ou melhor amiga sonham em se ser suas madrinhas de casamento não significa que você precise escolhê-las. Se você acha que outra pessoa que você conhece assumirá melhor esse papel, confie na sua intuição.

2. O padrinho deve ser uma pessoa que conhece bem o casal e que será capaz de atender às suas necessidades e expectativas tanto durante os preparativos para o casamento como também depois da cerimônia.

3. Se você deseja que o seu padrinho de casamento seja uma pessoa presente que ajuda o seu relacionamento nos momentos difíceis, escolha alguém que sabe dizer a verdade. Ser verdadeiro é uma qualidade muito útil.

4. O melhor é escolher alguém que compartilhe de seus valores e de sua fé. Ter padrinhos que rezam pelo casal é muito valioso.

5. Escolher uma pessoa que já é casada em vez de uma pessoa solteira permitirá que você confie e aprenda com a experiência que essa pessoa tem na sua vida de casada. Seus conselhos podem ajudá-lo a construir um relacionamento sólido e duradouro.

6. Finalmente, ao fazer sua escolha, também é importante discutir com seus padrinhos em potencial, desde o momento do noivado, o que significa para você e para elas ser padrinho. Dependendo das respostas de cada um, será muito mais fácil compreender quem realmente você deseja ao seu lado como testemunhas do seu casamento.

Boletim
Receba Aleteia todo dia