Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 31 Outubro |
Beato Domingos Collins

Uma meditação sobre Jesus crucificado para encontrar o caminho da santidade

Le bon larron (Public Domain)

Edifa - publicado em 10/04/20

A Sexta-feira Santa relembra a crucificação e a morte de Jesus na cruz. Como o bom ladrão crucificado ao lado de Cristo, imploremos a sua misericórdia

É impossível entender em que consiste a santidade sem olhar para o único santo canonizado pelo próprio Jesus: o bom ladrão. Não sabemos quase nada sobre ele. Somente São Lucas relata o diálogo avassalador entre Jesus e os bandidos crucificados ao seu lado (Lc 23, 39-43). Quem foram os dois bandidos crucificados ao lado de Jesus? Criminosos comuns ou agitadores políticos? Ninguém sabe, mas o que São Lucas nos diz é suficiente para conhecer o essencial.

Porque desconhecemos os crimes praticados por ele e desconhecemos também o seu nome, “o bom ladrão” é, de certa forma, a representação de todos os criminosos, dos pobres, fora da lei, marginalizados de todo tipo. No fundo, ele representa a todos nós, mesmo que não tenhamos cometido provavelmente nenhum crime abominável, nós somos todos pecadores, grandes ou pequenos. Portanto, nesta Sexta-feira Santa, é esse bandido que nos ajuda a compreender em que consiste a santidade.

Aprendendo a olhar Jesus Crucificado

Das profundezas de sua miséria, o bom ladrão clama a Jesus. Completamente sem esperança em tudo o que é humano ou terrestre, ele coloca sua única esperança na Cruz de Jesus, esquecendo todo o resto. É isso que nos é pedido: colocar nossa esperança na Cruz de Jesus e somente nela. Não devemos colocar a nossa esperança em nossas riquezas, sejam elas materiais ou espirituais, ou em nossas boas ações, virtudes ou sucesso pessoal, não! Nossa esperança deve ser colocada apenas em Jesus. O Cristo crucificado.

O bom ladrão nos ensina a olhar para Jesus crucificado. A verdade é que não gostamos de fazer isso. Gostaríamos de pular a Sexta-Feira Santa e chegar diretamente à Páscoa! E, no entanto, porque não há outra fonte de santidade além de Jesus Cristo crucificado, não há também outro caminho de santidade senão o caminho da Cruz, a via estreita da Cruz. E aqueles que se afastam do caminho da Cruz se afastam também da santidade, pois se fecham automaticamente à sua única fonte, que é Jesus crucificado. Ao olhar para Jesus que morre por causa de nossos pecados, começamos a entender como somos pecadores e, portanto, o quanto precisamos de sua misericórdia! Ao mesmo tempo, entendemos que essa misericórdia nos é dada todos os dias, que Jesus nos salva e abre as portas do seu Reino para nós.

O pior não é ser pecador, mas recusar a ver os seus pecados

Não importa quão ruim, feio ou grave seja o nosso pecado, a santidade foi feita para nós. Jesus apenas pede que sigamos o caminho do bom ladrão. Ele teve a coragem de admitir suas falhas com humildade e, ao mesmo tempo, a louca confiança de reivindicar misericórdia. Não é o pecado por si só o problema, é duvidar da misericórdia, como se Jesus não tivesse morrido por todos os pecadores, mesmo os piores.

O pior não é ser pecador, mas sim recusar-se a ver seus pecados e nomeá-los como tais, por orgulho. O pior é crer-se justo, porque uma pessoa justa não precisa de misericórdia, ela não precisa que Jesus morra por ela, não precisa ser salva. Podemos ser bons em todos os aspectos, piedosos e fazer coisas bonitas, mas enquanto acreditarmos que somos justos, não poderemos ser santos.

Christine Ponsard

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
Jesus
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Brasileira Simone Barreto Silva é vítima de ataque terrorista na catedral de Nice
Reportagem local
Brasileira é vítima no ataque terrorista na c...
Reportagem local
França: atentado na basílica de Notre Dame em...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Pe. Robson de Oliveira
Francisco Vêneto
Defesa desmente Fantástico, da TV Globo, em n...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Ver mais