Aleteia

O sorriso, a melhor arma anti-stress

KOBIETA
Julien Pouplard/Unsplash | CC0
Compartilhar

Trabalho, filhos, cônjuge, engarrafamentos… O estresse pode se manifestar de várias maneiras em nossa vida e até se tornar nosso companheiro diário. Mas seja duradouro ou passageiro, é possível combatê-lo com um sorriso!

O sorriso é um indicador não-verbal de felicidade. E se sorrir pudesse ter um efeito benéfico nos níveis de estresse e induzir a um estado de maior felicidade, maior bem-estar?

Os sorrisos geralmente são divididos entre “sorrisos comuns”, que envolvem os músculos ao redor da boca, e “sorrisos autênticos”, que usam os músculos que enquadram a boca e os olhos. É o segundo tipo de sorriso que mais afeta nossa condição física. Mas como é que isso funciona?

Parece que um sorriso, assim como o riso, é capaz de agir sobre o cortisol, um hormônio ligado ao estresse. Você já deve ter notado que é difícil ser ou permanecer agressivo diante de um sorriso.

De fato, dado ou recebido, ele traz pensamentos positivos e, como resultado, diminui o nível de estresse e agressividade. A consumir sem moderação em nossa família e em nosso relacionamento conjugal!

Teste no trabalho e com a família

Foi o que Clemente disse ao descobrir os resultados de vários estudos, como os da Universidade do Texas e da Universidade do Tennessee (Estados Unidos). O que o levou a recuperar a coragem. De fato, ele se entristece ao ver que sua esposa Letícia muitas vezes mostra um rosto irritado e mal-humorado.

Ele não sabe como ajudá-la a ver a vida de uma maneira mais otimista. Um domínio maior de suas expressões faciais ajudará Letícia a, sem dúvida, se sentir mais à vontade com a vida. Ao oferecer ao mundo um rosto luminoso de alegria, ela também atrairá reações mais agradáveis ​​de seus interlocutores. Não é isso também o que a Lei Escoteira diz quando propõe que “o Escoteiro sorri e canta nas dificuldades”?

Solicita-se aos funcionários de caixa de supermercado que sistematicamente ofereçam um sorriso aos seus clientes: “Lembre-se de sorrir, você reduzirá a possível agressividade de seus interlocutores”. Nós também podemos utilizar desse bom conselho em família ou no trabalho!

Marie-Noël Florant

Boletim
Receba Aleteia todo dia