Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 31 Outubro |
Beato Domingos Collins

Quando a preocupação com o futuro se torna uma obsessão

Ipatov

Edifa - publicado em 27/07/20

É normal se preocupar com seu futuro. Porém, é preciso ter cuidado para não dedicar toda a energia a temer um evento que possa ou nunca acontecer, com o risco de perder a alegria e a paz de coração

Há dois tipos de preocupações. A ansiedade positiva que revela em nós a sede de Deus, o “Único necessário” de nossas vidas.

Santo Agostinho o expressa desta maneira: “Tu nos fizeste para ti, Senhor, e nosso coração permanece inquieto até que ele permaneça em ti”.

E a ansiedade negativa que surge das contradições que nos habitam e das provas que surgem em nossas vidas.

Essa ansiedade muitas vezes nos faz perder a paz e a alegria de nossos corações. Está no centro de uma batalha espiritual que deve ser trazida à luz.

As ferramentas para liderar a luta

É normal que estas preocupações surjam. Jesus nos advertiu: “Estreita, porém, é a porta e apertado o caminho da vida e raros são os que o encontram” (Mt 7,14).

A angústia, vista desta perspectiva, aparece como a entrada na vida, como um segundo nascimento e o ponto de controle mais seguro de nossa vida espiritual. Não obstante, Santo Inácio explica que nunca são circunstâncias ou eventos que nos levam a perder a paz de coração.

A causa está sempre em um distanciamento de Cristo causado precisamente pela ansiedade, que por sua vez é causada por dificuldades. O Maligno interfere, tentando captar nossa atenção e ocupar nossos pensamentos com mil preocupações. Seu objetivo: nos distrair da presença de Jesus.

São Pedro nos dá duas ferramentas para liderar a luta: “Resisti-lhe fortes na fé” (1Pd 5,9). E novamente: “Confiai-lhe todas as vossas preocupações, porque ele tem cuidado de vós” (1 Pedro 5:7).

São Francisco de Sales insiste: “Não busque as consolações de Deus, mas o Deus das consolações” e explica: “A preocupação é o maior mal depois do pecado”. É mais do que uma tentação, diz ele: é a porta aberta a todas as tentações. Além disso, Jesus coloca “as preocupações da vida” no mesmo nível que a deboche e a embriaguez (Lc 21,34)!

É por isso que São Paulo nos encoraja: “Não vos inquieteis com nada! Em todas as circunstâncias apresentai a Deus as vossas preocupações, mediante a oração, as súplicas e a ação de graças. E a paz de Deus, que excede toda a inteligência, haverá de guardar vossos corações e vossos pensamentos, em Cristo Jesus.” (Fil 4,6-7).

A graça do abandono

Não é uma questão de apologizar a passividade ou o quietismo. Trata-se de colocar-nos nas mãos de Deus com total confiança: “Meu Pai, eu me entrego a ti” (Charles de Foucauld)… Para o passado: atirando-o no fogo de sua misericórdia.

Para o futuro, confiando-o à sua providência, sabendo que “Deus é fiel: não permitirá que sejais tentados além das vossas forças, mas com a tentação, ele vos dará os meios de suportá-la e sairdes dela” (1 Cor 10:13).

Este abandono nos permite então viver o momento presente com a graça do Senhor, sabendo que “Àquele que, pela virtude que opera em nós, pode fazer infinitamente mais do que tudo quanto pedimos ou entendemos” (Ef 3,20).

Padre Nicolas Buttet

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
EstresseInteligencia emocionalTrabalho
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Brasileira Simone Barreto Silva é vítima de ataque terrorista na catedral de Nice
Reportagem local
Brasileira é vítima no ataque terrorista na c...
Reportagem local
França: atentado na basílica de Notre Dame em...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Pe. Robson de Oliveira
Francisco Vêneto
Defesa desmente Fantástico, da TV Globo, em n...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Ver mais