Aleteia
Terça-feira 20 Outubro |
São Cornélio

Casamento: qual lugar devem ocupar os amigos do sexo oposto?

BYĆ Z KIMŚ

fizkes | Shutterstock

Edifa - publicado em 12/08/20

Uma vez casados, é desejável manter a mesma intimidade com os amigos? Podemos viver com eles relacionamentos profundos sem magoar o cônjuge e pôr em risco o nosso relacionamento?

Qual o lugar do amigo íntimo do sexo oposto na esfera conjugal? Vários casais se fazem essa pergunta. Eles podem ser amigos de infância ou juventude, ou pessoas que conheceram na vida profissional ou social.

Algumas pessoas dizem que essas amizades enriquecem a vida dos relacionamentos e que a vida seria muito triste se fosse necessário reduzir os relacionamentos amigáveis ​​entre homens e mulheres ao cônjuge.

Outros estão convencidos de que a intimidade inerente a qualquer amizade deve ser reservada àquele com quem compartilhamos a vida de casado. Como bem discernir para se ajustar lealmente?

O cônjuge, amigo íntimo por excelência

Relendo a gênese do seu relacionamento, muitos se lembram dos momentos agradáveis ​​de segredos compartilhados, onde cada um se deixava descobrir. Quanto mais íntima as confidencias, mais nos sentimos construindo confiança e apego mútuos. A confiança nos leva, às vezes contra a nossa vontade, a esse caminho que nem sempre controlamos do sentimento de amor.

No entanto, o relacionamento conjugal na fidelidade requer exclusividade, particularmente em termos de intimidade física e compartilhamento da vida interior.

Se os cônjuges tiverem um déficit de momentos românticos e segredos íntimos compartilhados, será tentador confiarem-se a um amigo querido. É importante reservar a maior intimidade de nossa vida comum para nosso cônjuge. Se um terceiro entrar, pelas confidências de um dos cônjuges, ele quebra a conexão.

É bom fazer sempre a intimidade conjugal uma oitava mais alta do que aquela que se pode ter com os outros.

Questione-se sobre suas amizades

Isso significa que não se pode viver profundas amizades entre homens e mulheres? Grandes santos, como Francisco e Clara de Assis ou Francisco de Sales e Joana de Chantal, viveram essa amizade.

No entanto, eles não estavam unidos pelo casamento. E, finalmente, pelo menos no que diz respeito a Francisco de Sales, ele desejava viver relações menos compromissadas. Talvez ele sentisse que os sentimentos que o ligavam a Joana não eram compatíveis com a oferta total de si que ele havia feito ao Senhor.

E então, ousemos olhar de frente os exemplos, numerosos demais, de relações entre mulheres casadas e seu pai espiritual, relações que eram supostamente de pura amizade espiritual, mas que se mostraram escandalosas.

Assim, nós podemos nos perguntar, sem complacência, se vivemos uma situação de forte amizade com uma pessoa do sexo oposto: o que estou procurando nessa situação em particular? O que encontro lá? Posso dizer tudo sobre essa amizade ao meu cônjuge, sem esconder certos aspectos? Ele está incomodado, sente ciúmes? Se houver alguma dúvida, você deve ter coragem e estabelecer imediatamente uma distância razoável da pessoa em questão. 

As amizades nunca devem atingir tal intensidade que gerem o risco de ferir a comunhão dos cônjuges, que dá ao casamento o título de sacramento.

Na verdade, seja de coração, alma ou espírito, uma pessoa casada não pode manter uma amizade íntima com outra pessoa que não seja sua esposa, sem correr o risco de arriscar seu relacionamento.

É por isso que Jesus, depois de instituir o sacramento do matrimonio, chegou ao ponto de pedir às pessoas casadas que “se fizessem eunucos pelo o Reino dos céus” (Mt 19, 12), em outras palavras, que se assumissem definitivamente incapazes de ter um relacionamento íntimo com alguém que não seja a sua outra metade.

Marie-Noël Florant

Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • A Aleteia é publicada em 8 idiomas: Português, Francês, Inglês, Árabe, Italiano, Espanhol, Polonês e Esloveno.
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Tags:
AmizadeCasamentoSacramentos
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
st charbel
Reportagem local
Por acaso não está acontecendo o que São Char...
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
Ellen Mady
Para Jesus não existe novena melhor do que es...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
ícone São Lucas Nossa Senhora Jesus médico
Reportagem local
Oração a São Lucas, evangelista e médico, pel...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
JENNIFER CHRISTIE
Jennifer Christie
Fui estuprada numa viagem a trabalho - e meu ...
Ver mais