Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 17 Abril |
Santa Catarina Tekakwitha
home iconEstilo de vida
line break icon

Casal: o segredo de Jesus para acabar com as brigas ligadas ao cansaço

© Shutterstock

Edifa - publicado em 25/09/20

O cansaço é uma das muitas causas de discussão no casal. No entanto, essas brigas podem ser evitadas tomando alguns cuidados simples

A fadiga é um sinal de alerta. Num nível fisiológico, indica a necessidade de recuperação. No plano emocional, pode nos conscientizar do peso, do impacto dos acontecimentos que acabamos de vivenciar e nos chamar a considerá-los. Do ponto de vista psicológico, o cansaço nos mostra talvez que não estamos em nosso lugar ou que carregamos algo que nos excede. Espiritualmente, nos convida a equilibrar a vida, a descansar em Deus ou, paradoxalmente, estarmos sempre juntos com os outros. No casal, revela efetivamente os defeitos e é uma ocasião para redobrar o cuidado e a atenção. Ao enfraquecer nossa capacidade de nos controlarmos ou de assumirmos o controle do nosso cotidiano, nos empurra a buscar alívio, principalmente do lado do nosso cônjuge (se ele não estiver tão cansado quanto nós).

A briga causada pelo cansaço é um momento de verdade sobre si mesmo

A esposa tem uma falha: ela aponta com um tom um tanto humilhante que o outro não fez as coisas como deveria. O marido tem um defeito: ele é suscetível. E vice-versa. Quando ele não está cansado, o tom não é humilhante. Quando ela não está cansada, ela não fica chateada. Um dia, a espiral previsível pára abruptamente quando ela diz: “Estamos cansados”. A tensão diminui em ambos e também nas crianças que conhecem essa conversa um tanto absurda na qual elas às vezes caçoam.

Claro, nem todas as brigas estão ligadas ao cansaço. Mas a dificuldade de autocontrole que causa fadiga pode ser uma grande oportunidade. O argumento ou atitude menos ajustada é um momento de verdade sobre nós mesmos. A fadiga ataca nossa onipotência e nosso perfeccionismo. Torna a nós vulneráveis, relativiza nossa autonomia e ressalta nossa necessidade do outro. Lembra-nos que temos um corpo e que devemos à ele certos cuidados.

A primeira etapa do descanso: dê espaço a si mesmo

Numa família que valoriza o auto-sacrifício, a consciência do cansaço pode ser insuficiente. Jesus Cristo indica aos seus discípulos cansados ​​que o primeiro passo para descansar é se afastar. Este retiro permite-nos dedicar um tempo a determinar qual tipo de descanso é adequado: sono, exercício físico, natureza, música, leitura relaxante, cuidados com o corpo… e também refletir sobre a mudança circunstancial necessária para não perder a nossa energia, para passar por determinadas situações de forma diferente.

Por exemplo, o diálogo com o nosso cônjuge pode ser exaustivo se virar para a discussão e não der preferência à escuta. Talvez fosse necessário estabelecer algumas regras para falar sem ficar cansado? Outro exemplo: uma situação de injustiça cansa muito. Provoca uma raiva frequentemente internalizada que absorve energia. Como admitir que nosso cônjuge não assume uma ou outra responsabilidade? Uma certa distância é necessária para esclarecer o que está em jogo. Às vezes, é um sentimento de injustiça baseado numa visão distorcida que deve ser examinada pacientemente entre vocês dois. O cansaço muitas vezes nos distrai do diálogo, embora seja um momento chave para aproveitar.

Sophie Lutz

Tags:
CasamentoDescansoEstresseFamília
Apoiar a Aleteia

Se você está lendo este artigo, é exatamente graças a sua generosidade e a de muitas outras pessoas como você, que tornam possível o projeto de evangelização da Aleteia. Aqui estão alguns números:

  • 20 milhões de usuários no mundo leem a Aleteia.org todos os meses.
  • Aleteia é publicada diariamente em sete idiomas: inglês, francês,  italiano, espanhol, português, polonês e esloveno
  • Todo mês, nossos leitores acessam mais de 50 milhões de páginas na Aleteia.
  • 4 milhões de pessoas seguem a Aleteia nas redes sociais.
  • A cada mês, nós publicamos 2.450 artigos e cerca de 40 vídeos.
  • Todo esse trabalho é realizado por 60 pessoas que trabalham em tempo integral, além de aproximadamente 400 outros colaboradores (articulistas, jornalistas, tradutores, fotógrafos…).

Como você pode imaginar, por trás desses números há um grande esforço. Precisamos do seu apoio para que possamos continuar oferecendo este serviço de evangelização a todos, independentemente de onde eles moram ou do quanto possam pagar.

Apoie Aleteia a partir de apenas $ 1 - leva apenas um minuto. Obrigado!

Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
KRZYŻYK NA CZOLE
Beatriz Camargo
60 nomes de bebês que carregam mensagens poderosas
2
Pe. Zezinho
Reportagem local
Não desprezem o templo nem posem de católicos avançados, alerta o...
3
MIGRANT
Jesús V. Picón
O menino perdido no deserto nos convida a refletir
4
MARY, CRUSH, SNAKE
Desde la Fe
10 poderosas armas para lutar contra o demônio
5
SPANISH FLU
Bret Thoman, OFS
Como o Padre Pio encarou a pandemia de gripe espanhola
6
Frei Jorge e o cãozinho frei Carmelito
Francisco Vêneto
Humanizar os animais não é amá-los, pois desrespeita sua natureza...
7
Aleteia Brasil
Havia um santo a bordo do Titanic?
Ver mais