Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sábado 20 Abril |
Aleteia logo
Estilo de vida
separateurCreated with Sketch.

Não sabe qual presente de Natal dar ao seu cônjuge? Veja estas dicas

couple christmas

valeriya kozoriz - Shutterstock

Edifa - publicado em 11/12/20

O Natal se aproxima e, com ele, o espinhoso problema de escolher os presentes. Entre as agendas apertadas de alguns, o orçamento limitado de outros e até mesmo a falta de ideias, conseguir acertar em cheio e a tempo é uma façanha todos os anos. Mas não entre em pânico, aqui estão algumas dicas para guiá-lo

“Nunca sei o que dar à minha mulher que ela goste … e me magoou quando, da última vez, ela me disse, manifestamente decepcionada: ‘Foi isso que você comprou para mim?’”, um amigo lamentou um dia. Nunca é fácil, nem para os maridos nem para as esposas, encontrar o presente certo, aquele que desperta o verdadeiro entusiasmo. E ninguém gosta de “estragar tudo” quando ficou todo o tempo com a cabeça maluca pensando num presente para comprar.

Os presentes a evitar

Para começar, existem certos tipos de presentes a evitar, até mesmo banir. O primeiro é o presente que damos ao outro e do qual somos os primeiros beneficiários. Uma mulher disse ao seu marido: “Querido, você me dá essa fantástica televisão digital, mas confesse que será a primeira pessoa que vai aproveitá-la …”. Também podemos citar o presente “chato” que visa comprar o outro numa meta inconsciente de possessividade. Ele é escolhido para fazer que amem ele ou ela mais: um “presente envenenado” pelo qual o oprimido ou oprimida se sente mais ou menos comprado ou comprada. Não falemos também do presente malicioso, entendido como um aviso sério: seria, por exemplo, uma cura de talassoterapia para a senhora ou uma inscrição na academia para o homem. Não mais agradável é o presente ritual oferecido menos por prazer do que por obrigação, presente impessoal, visto ou revisto.

Quanto ao presente útil (um pulôver, uns sapatos, uma camisa …), ele tem seus defensores e seus detratores. Os casais menos ricos utilizam ele com mais facilidade, mas o presente envolve uma parte de gratuidade, de luxo, de espontaneidade, que não pode ser totalmente eliminada. Por isso, as flores, os perfumes e principalmente as jóias para as mulheres são muito valorizados na maioria das vezes.

A forma de dar tem mais valor do que o que é dado

Num casal, a troca de presentes não é algo secundário. O presente ainda é um dos grandes gestos de amor, rico em lembranças, carregado de amor. Sabemos o quanto uma esposa pode estar apegada ao seu anel de noivado ou mesmo aos primeiros presentes que guarda eles como algo precioso. Mais de um cônjuge faz a pergunta do meu amigo: “De que presente meu cônjuge pode gostar muito este ano?” É difícil responder em termos absolutos, porque nem todos reagem da mesma forma.

No entanto, algumas idéias interessantes podem ser assinaladas, como o presente que foi “anunciado sem ser anunciado enquanto estava sendo anunciado”. O marido pode encontrar uma maneira sutil de preparar a esposa para recebê-lo, ao mesmo tempo que a surpreende mesmo que seja somente pela maneira como o oferece. Correndo o risco de cair de cara se, por exemplo, a esposa esperasse outro presente! Também é possível dar um belo presente para seu cônjuge sem ir à falência. Somente uma rosa ou uma gravata elegante oferecida com amor, com surpresa, traz alegria; mas um presente extraordinário para um determinado acontecimento será o testemunho, durante anos, da força do sentimento …

O presente que agrada é aquele que é significativo. A sua originalidade e delicadeza revelam o amor de quem o escolheu. O presente é um dos ritos de amor mais doces e mais eloqüentes. Outrora, teve seu lugar no amor nascente, porque era uma oportunidade de expressar seu amor sutilmente. Em seguida, alimenta o amor estabelecido, especialmente quando quer ser fantasioso e variado. O presente que agrada é aquele que é dado com delicadeza. “A forma de dar tem mais valor do que o que é dado …”. É a palavra amorosa na hora de entregar o pacote, um pequeno bilhete enfiado dentro ou um presentinho escondido entre várias caixas, um truque de “boneca russa” que é perfeito para surpreender o cônjuge. Mas acima de tudo, o presente agradável é aquele em que o cônjuge gostaria que seu parceiro adivinhasse o que ele quer! “Você adivinhou, você me entendeu, você me ouviu, então você me ama!” Portanto, preste atenção, porque muitas mulheres às vezes ajudam seus maridos a adivinhar por meio de pequenas mensagens subliminares. Quando num jantar com amigos ela diz para a pessoa mais próxima que está ao seu lado: “Que anel mais lindo você tem!” ou “Você não acha que tem um anel muito bonito?”. Uma frase que é uma mensagem que você tem que saber decifrar e lembrar.




Leia também:
Andrea Bocelli: “Recebi um presente do céu e fiz o possível para compartilhá-lo”

Denis Sonet

Tags:
Natal
Top 10
Ver mais