Aleteia
Terça-feira 20 Outubro |
São Cornélio
Oração do dia
Festividade do diaHistórias de Santos

São Melrúbio

Abade (†722)

LIGHT

Public Domain

Nasceu na Irlanda, em 642, e segundo a tradição era descendente do famoso rei da Irlanda, Nial “dos nove reféns”.

Ele abraçou a vida monástica em Bangor e, em 671, aos 29 anos, cruzou o mar para evangelizar o norte da Escócia.

Em Applecross (Ross-Shire) fundou um mosteiro que se tornou tão importante que a população que falava gaélico, falando de Applecross, simplesmente o chamava de “Chom-raich” (= o santuário).

A influência de São Melrúbio e sua fundação monástica pode ser detectada, ao longo da costa noroeste e nas regiões do norte da Escócia, em topônimos e nas muitas igrejas dedicadas a ele.

Melrúbio foi abade do mosteiro de Applecross por cinquenta e um anos e faleceu aos oitenta e um anos, em 722.

Fontes escocesas e irlandesas descrevem diferentes narrativas sobre sua morte. Os irlandeses alegam que ele morreu de morte natural em seu mosteiro. Os escoceses, incluindo o Breviário de Aberdeen, dizem que ele foi martirizado pelos piratas escandinavos em Urquhart, na Ilha Negra, e que seu corpo foi, então, enterrado em Applecross. A. B. Scott, um pesquisador moderno, argumenta que a evidência é toda a favor do martírio do santo e seu enterro na Strathnaver, em Ross-Shire.

O nome Melrúbio, na língua gaélica, consiste em consoantes que tendem a se liquefazer, consequentemente, aparece escrito de várias maneiras. W.R. Reeves lista quarenta delas, incluindo variações extremamente diferentes, como Mulruby, Marow, Mury, Arrow, Errew, Olrott, Ro, Samarevis e Summereve. O nome Melrúbio significa, no antigo gaélico “padre vermelho”, pelo qual este santo também é conhecido como Sagart Ruadh, uma expressão equivalente à primeira no gaélico moderno.

Devido a certa semelhança no som, ou por algum outro motivo, alguns escritores do final da Idade Média, como os compiladores do Breviário de Aberdeen, identificaram Melrúbio com São Rufo de Cápua: e isso poderia explicar o fato de que enquanto os documentos irlandeses atribuem a Melrúbio a festa em 21 de abril, os da Escócia colocam-no em 27 de agosto.

Depois da Reforma, o culto de São Melrúbio degenerou-se entre os habitantes do noroeste da Escócia, em algumas curiosas práticas supersticiosas.

Do século XVII, há evidências de sacrifícios de touros em homenagem ao santo em Applecross, Loch Maree e em outros lugares. Na ilha de Inch-Maree, no Loch Broom, existe uma fonte sagrada, dedicada ao santo, cuja água é considerada de grande eficácia no cuidado da loucura.

Atualmente, a fonte está seca, mas permanece a árvore, chamada “árvore de Will”, em cujo tronco podem ser vistas moedas que nele foram introduzidas Há muito tempo.

No final do século XIX, o culto de São Melrúbio teve um novo impulso entre os católicos escoceses pelo decreto da Santa Congregação dos Ritos, 5 de julho de 1898, mas a data em que a festa é celebrada, na atual diocese de Argyll e nas ilhas Irlandesas, é 21 de abril e não a tradicional escocesa em 27 de agosto.

Nenhuma igreja católica foi dedicada na Escócia a Melrúbio nos últimos tempos.

Seu culto como santo foi confirmado pelo papa Leão XIII com um decreto de 11 de julho de 1898.

Descubra outros santos clicando aqui
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
st charbel
Reportagem local
Por acaso não está acontecendo o que São Char...
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
Ellen Mady
Para Jesus não existe novena melhor do que es...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
ícone São Lucas Nossa Senhora Jesus médico
Reportagem local
Oração a São Lucas, evangelista e médico, pel...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
JENNIFER CHRISTIE
Jennifer Christie
Fui estuprada numa viagem a trabalho - e meu ...
Ver mais