Aleteia
Quarta-feira 21 Outubro |
São Bertoldo de Parma
Oração do dia
Festividade do diaHistórias de Santos

Beato Pedro Tiago de Pêsaro

Presbítero (†1496)

PAINTING

Public Domain



Pedro, provavelmente, nasceu em Pêsaro no ano de 1447. Pouco se sabe sobre sua família, que alguns historiadores chamam de Gaspari. Ainda muito jovem entrou para a comunidade do Convento dos Agostinianos de Valmanente, primeira casa agostiniana fundada em 1238. Neste convento foi-lhe incutido o elemento carismático que o caracteriza: o estudo como caminho para a sabedoria, a virtude e o ministério apostólico.

Após a conclusão do noviciado, emitiu sua profissão temporária e foi enviado para realizar os estudos necessários ao ministério sacerdotal e seguir uma carreira acadêmica de acordo com o rigoroso e exigente programa prescrito pela Ordem Agostiniana.

Após a ordenação ao sacerdócio, foi inserido na vida conventual com o compromisso de continuar seus estudos e orientar os jovens estudantes da Ordem.

Em 1472, foi o mestre dos estudantes em Perugia.

Em 1473, foi enviado para ensinar no Estúdio Agostiniano de Florença.

Em 1482, recebe o título de Mestre em Teologia, em Rimini.

Participou de dois Capítulos Gerais: em 1482, em Perugia e em 1486, em Siena.

Em 1492, depois de deixar o ensino da escola, por obediência, concordou em ir pregar a Quaresma em Montefalco, onde foi eleito Provincial pelos frades de Piceno.

Quando o mandato de três anos expirou, ele renunciou ao cargo de Prior de Bolonha e preferiu retornar à solidão de Valmanente, de onde saiu apenas para levar as boas novas ao povo que inflamavam os corações e produziam frutos da vida eterna.

Sua vida, portanto, terminou não pelo desgaste de anos, mas, provavelmente, pelo cansaço e penitência. No final de sua vida, sempre na estima dos superiores e irmãos, ele recusou qualquer homenagem, preferindo dedicar-se à vida ascética e contemplação na ermida de Valmanente, que ficou famosa pela santidade de Nicolau de Tolentino, que naquele lugar teve sua famosa visão do Purgatório.

Foi chamado pelo Senhor em 1496. Suas relíquias são hoje veneradas na igreja agostiniana. Os prodígios e graças que ocorreram em seu sepulcro confirmaram sua fama de santo, que já tinha quando vivo e que os habitantes de Pêsaro reconheceram ao longo dos séculos, tanto que seu corpo foi sempre mantido em veneração na igreja de Valmanente.

O título de Bem-aventurado foi oficialmente reconhecido em 1849 pelo Papa Pio IX, que também aprovou o Ofício para a Diocese de Pêsaro e para a Ordem Agostiniana.

Descubra outros santos clicando aqui
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
CARLO ACUTIS
John Burger
Como foram os últimos dias de vida de Carlo A...
violência contra padres no Brasil
Francisco Vêneto
Outubro de cruz para padres no Brasil: um per...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
SAINT JOSEPH SLEEPS
Philip Kosloski
Durma em paz com esta breve oração a São José
Pe. Gilmar
Reportagem local
Padre é encontrado após três dias desaparecid...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Ver mais