Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quinta-feira 05 Agosto |
Santos Vardan e companheiros
Oração do dia
Festividade do diaHistórias de Santos

São Pedro de Alexandria

Bispo e Mártir (†311)

pixabay

Santo do dia

Apesar da absoluta falta de confiabilidade da “passio” de São Pedro, ele é mencionado várias vezes pelo grande historiador da igreja Eusébio de Cesarea, que o descreve como um excelente mestre do cristianismo, bem como um grande bispo. Nada é certamente conhecido sobre suas origens e proveniência e sim sobre a sua primeira aparição na cena eclesial, quando foi chamado a suceder São Teônio, na cátedra episcopal de Alexandria. Esteve à frente desta sede por cerca de doze anos. Após os primeiros três anos, ele teve que suportar a feroz perseguição de Diocleciano, continuada também pelos sucessores deste imperador. Ficou célebre por seus esforços em ajudar os irmãos cristãos perseguidos. Como se pode imaginar, nem todos foram capazes de continuar na fé ao serem submetidos a torturas e, assim, ficou sob a reponsabilidade de Pedro, – cuja jurisdição se estendia por todas as igrejas do Egito, Tebaida e Líbia – a elaboração de instruções destinadas a regular o tratamento daqueles que, embora inicialmente tenham rejeitado a fé cristã, desejassem se reconciliar com a Igreja.
Enfim, inevitavelmente, Pedro também teve que se esconder e durante sua ausência de Alexandria, a igreja egípcia sofreu um cisma, mas as causas não são muito claras. Parece que Melezio, bispo de Antioquia, assumiu a responsabilidade de exercer as funções metropolitanas do legítimo bispo de Alexandria. Para justificar suas ações, ele espalhou algumas calúnias sobre as instruções de Pedro, acusando-o de muita indulgência para com aqueles que caíram em erro. Recusando-se a retirar-se, Pedro ficou sem alternativa a não ser excomungá-lo, continuando, entretanto, a governar a sua Igreja até que pudesse finalmente voltar à cidade. A perseguição anticristã, no entanto, logo foi retomada pelo Imperador Caio Valério Daia Maximino e em 311, Pedro foi inesperadamente capturado e executado no local sem acusação ou julgamento.
No Egito, é conhecido como “a couraça e o complemento da perseguição”, sendo o último mártir condenado à morte por autoridades públicas em Alexandria. É também lembrado como ‘aquele que atravessou a parede’, em referência à lenda de que, quando Pedro percebeu que as autoridades estavam prontas a abater a enorme multidão de cristãos, reunida em protesto, à frente da prisão onde esteva detido, ele sugeriu ao comandante de abrir uma brecha na parede, aproveitando-se da escuridão para que o carrasco pudesse entrar sem ser impedido pela multidão.
O Martirológio Romano comemora ainda hoje o aniversário de seu nascimento no céu. Junto com ele também lembra também os três santos bispos egípcios, Hesíquio, Pacômio e Teodoro, e muitos outros cristãos, que na mesma perseguição em Alexandria foram mortos a espada.

Descubra outros santos clicando aqui
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
Reportagem local
Gritos levam polícia à casa de dois idosos, que choravam copiosam...
2
Sintomas da depressão
Reportagem local
8 sintomas físicos da depressão: fique atento a si mesmo e ao seu...
3
Princesa Diana no Accord Hospice
Reportagem local
Um padre católico acompanhou a princesa Diana na madrugada de sua...
4
MAN
Reportagem local
Oração da noite para serenar o espírito e pacificar a ansiedade
5
CONFESSION
Philip Kosloski
Pecados que a maioria dos padres não pode absolver
6
Cura d'Ars
Aleteia Brasil
São João Maria Vianney, o “santo burro” e sua respost...
7
BAPTISM
Reportagem local
Padrinhos de batismo e consagração: existe diferença entre eles?
Ver mais