Aleteia logoAleteia logoAleteia
Quinta-feira 06 Outubro |
São Bruno
Aleteia logo
Oração do dia
Festividade do diaHistórias de Santos

São Tomás Khuong

Mártir vietnamita († 1860)

Eucharistic adoration

godongphoto | Shutterstock

Tomás nasceu em 1780, em Nam-Hoa, Vietnã, em uma família nobre, pois seu pai era mandarim.

Converteu-se ao cristianismo na infância e foi ordenado sacerdote na Ordem Terceira de Santo Domingo.

Durante a perseguição de Minh-Manh, Tomás foi preso sob a acusação de ser sacerdote cristão, mas sua alta ascendência o salvou de morrer na prisão. Continuou a exercer seu ministério com grande sagacidade durante a perseguição do monarca seguinte, Thieu-Tri (1840-1847) e foi capaz de superar os primeiros anos de perseguição ao Rei Tu-Duc, que começou em 1854. 

Tinha quase 80 anos quando em 29 de dezembro de 1859 foi capturado em Tran-Xa, durante a nova perseguição anticristã convocada pelo rei Tu-Duc. Naqueles dias havia deixado seu refúgio para se mudar para outro lugar, quando chegou em frente à ponte Tran-Xa. Foi reconhecido como cristão ao ser traído por sua hesitação em cruzá-la para não pisar na cruz, ali colocada no solo pelos perseguidores. Houve tentativas para que apostatasse. Preso e levado perante o juiz, foi submetido a intenso interrogatório, para se encontrar em suas palavras alguma declaração que comprovasse supostas relações entre cristãos locais e europeus. Foi convidado a convencer seus correligionários a apostatar e pisotear a cruz. A essa altura, Padre Khuong, declarando-se cristão desde a infância e sacerdote de Cristo, recusou-se indignado, dizendo que estava pronto para morrer, até cem mil vezes por sua adorada religião.

Foi condenado à morte, mas a sentença atrasou a execução por um mês na tentativa se ser suspensa. Na hora de sua execução, o mártir fez uma cruz com dois juncos, prostrou-se diante dela e ofereceu sua cabeça ao carrasco. Foi decapitado em ato de veneração no dia 30 de Janeiro de 1860, na cidade de Tonkin, Vietnam.

Foi beatificado junto com outros 24 mártires em 29 de abril de 1951 pelo Papa Pio XII. 

Em 19 de junho de 1988, o Papa São João Paulo II canonizou um grande grupo de mártires de Tonkin (Vietnã), 117 ao todo. O grupo incluia 8 bispos, 50 padres e religiosos e 59 leigos, todos mártires de 1745 a 1862, que haviam sido beatificados, anteriormente, em grupos diferentes nos anos 1990, 1906, 1909 e 1951. Dentre os 50 padres, estava o sacerdote terciário dominicano de Tonkin, Tomás Khuong. 

Descubra outros santos clicando aqui
PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais