Sem condições de apoiar?

Veja 5 formas de você ajudar a Aleteia

  1. Reze por nossa equipe e pelo êxito de nossa missão
  2. Fale sobre a Aleteia em sua paróquia
  3. Compartilhe os artigos da Aleteia com seus amigos e familiares
  4. Desative o bloqueio de publicidade quando nos visitar
  5. Inscreva-se para receber nosso boletim gratuito e leia-nos diariamente

Obrigado!
Redação da Aleteia

Receba o nosso boletim

Aleteia
Festividade do dia

quarta-feira, 14 de fevereiro

Santos Cirilo e Metódio

Apóstolos do povo eslavo (†século IX)

CYRIL
Compartilhe este artigo para ter a chance de ganhar uma peregrinação a Roma
Compartilhar
Compartilhei
Compartilhamentos

Santos Cirilo e Metódio

A história dos santos demonstra que não é um caso raro o fato de dois irmãos serem canonizados: este é precisamente o caso de Cirilo e Metódio. Originários de Tessalônica, uma cidade pertencente ao Império Bizantino, ambos deram sua vida pela evangelização da Panônia e da Morávia, uma região da Europa oriental. A história nos diz que Cirilo originalmente se chamava Constantino e, tendo endossado o hábito monástico – ao final de sua vida -, assumiu o nome de Cirilo. Ao que tudo indica, a família dos dois irmãos era de origem nobre e o pai teria ocupado um cargo de grande importância na cidade. Cirilo, desde pequenino, revelou ser muito dotado intelectualmente: durante sua vida cultivou interesses nas áreas de astronomia, geometria, retórica e música. Além disso, aprender a falar fluentemente o grego, o latim, o árabe e o hebraico. Os dois irmãos continuaram seus estudos em Constantinopla, e, posteriormente, o imperador os enviou em várias missões, algumas junto aos árabes. No entanto, a missão mais importante que o imperador confiou aos dois irmãos, foi a evangelização dos povos eslavos. Chegando na nova terra missão, Cirilo começou a traduzir algumas passagens do evangelho de João, chegando mesmo a inventar um novo alfabeto – o glagolítico, mais conhecido como cirílico. Em meio à várias dificuldades com o clero local oriundo da Alemanha – de fato, eles tinham sido os primeiros a chegar naquele território -, Cirilo e Metódio foram até Roma em busca de apoio e da ordenação de seus discípulos. Chegando em Roma, no ano 867, foram bem recebidos pelo papa, que ordenou presbítero a Metódio e aprovou a tradução da bíblia e dos textos litúrgicos que os dois irmãos haviam promovido. Infelizmente, no dia 14 de fevereiro de 869, Cirilo veio a falecer ainda em Roma, vítima de uma doença. Metódio retornou para os territórios da missão e continuou a evangelização. Posteriormente foi ordenado bispo. No entanto, os tempos em que governou foram muito difíceis: suspeito de propagar heresias, Metódio e seus discípulos foram perseguidos pelas autoridades locais. Por dois anos esteve preso, até que veio a falecer no dia 6 de abril de 885 no sul da Morávia. O martirológio romano reservou a data de 14 de fevereiro para fazer memória dos dois irmãos. Em 1980, são João Paulo II os proclamou, junto com são Bento, Patronos da Europa.

Descubra outros santos clicando aqui

Oração para esta manhã

 

Cristo por nós foi tentado, sofreu e na cruz morreu: Vinde todos, adoremos!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém
Hino
Ó Cristo, sol de justiça,
brilhai nas trevas da mente.
Com força e luz, reparai
a criação novamente.

Dai-nos, no tempo aceitável,
um coração penitente,
que se converta e acolha
o vosso amor paciente.

A penitência transforme
tudo o que em nós há de mal.
É bem maior que o pecado
o vosso dom sem igual.

Um dia vem, vosso dia,
e tudo então refloresce.
Nós, renascidos na graça,
exultaremos em prece.

A vós, Trindade clemente,
com toda a terra adoramos,
e no perdão renovados
um canto novo cantamos.
Cântico Jr 14,17-21

O Reino de Deus está próximo. Convertei-vos e crede no Evangelho! (Mc 1,15).

Os meus olhos, noite e dia,
chorem lágrimas sem fim;
pois sofreu um golpe horrível,
foi ferida gravemente
a virgem filha do meu povo!

Se eu saio para os campos,
eis os mortos à espada;
se eu entro na cidade,
eis as vítimas da fome!

Até o profeta e o sacerdote
perambulam pela terra
sem saber o que se passa.
Rejeitastes, por acaso,
a Judá inteiramente?

Por acaso a vossa alma
desgostou-se de Sião?
Por que feristes vosso povo
de um mal que não tem cura?

Esperávamos a paz,
e não chegou nada de bom;
e o tempo de reerguer-nos,
mas só vemos o terror!

Conhecemos nossas culpas
e as de nossos ancestrais,
pois pecamos contra vós!
Por amor de vosso nome,
ó Senhor, não nos deixeis!

Não deixeis que se profane
vosso trono glorioso!
Recordai-vos, ó Senhor!
Não rompais vossa Aliança!

Glória ao Pai...

Leitura breve .......................................Dt 7, 6b.8-9
O Senhor teu Deus te escolheu dentre todos os povos da terra, para seres seu povo preferido porque o Senhor vos amou e quis cumprir o juramento que fez a vossos pais. Foi por isso que o Senhor vos fez sair com mão poderosa, e vos resgatou da casa da escravidão, das mãos do Faraó, rei do Egito. Saberás, pois, que o Senhor teu Deus é o único Deus, um Deus fiel, que guarda a aliança e a misericórdia até mil gerações, para aqueles que o amam e observam seus mandamentos.

Deus nos amou por primeiro, ele fez aliança conosco.
Sem medida é a sua ternura!

BENEDICTUS
Jejuai sem ficar tristes: não façais como os hipócritas.

Bendito seja o Senhor Deus de Israel,
porque a seu povo visitou e libertou;

e fez surgir um poderoso Salvador
na casa de Davi, seu servidor,

como falara pela boca de seus santos,
os profetas desde os tempos mais antigos,

para salvar-nos do poder dos inimigos
e da mão de todos quantos nos odeiam.

Assim mostrou misericórdia a nossos pais,
recordando a sua santa Aliança

e o juramento a Abraão, o nosso pai,
de conceder-nos que, libertos do inimigo,

a ele nós sirvamos sem temor
em santidade e em justiça diante dele,
enquanto perdurarem nossos dias.

Serás profeta do Altíssimo, ó menino,
pois irás andando à frente do Senhor
para aplainar e preparar os seus caminhos,

anunciando ao seu povo a salvação,
que está na remissão de seus pecados;

pela bondade e compaixão de nosso Deus,
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

para iluminar a quantos jazem entre as trevas
e na sombra da morte estão sentados

e para dirigir os nossos passos,
guiando-os no caminho da paz.

Glória ao Pai...

Preces
Demos graças a Deus Pai, que nos concede o dom de iniciar hoje o tempo quaresmal. Supliquemos que durante estes dias de salvação ele purifique e confirme os nossos corações na caridade, pela vinda e ação do Espírito Santo. Digamos, pois, cheios de confiança:

R. Dai-nos, Senhor, o vosso Espírito Santo!

Ensinai-nos a saciar o nosso Espírito,
– com toda palavra que brota dos nossos lábios. R.

Fazei que pratiquemos a caridade, não apenas nas grandes ocasiões.
– mas principalmente no cotidiano de nossas vidas. R.

Concedei que saibamos renunciar ao supérfluo,
– para podermos socorrer os nossos irmãos necessitados. R.

Dai-nos trazer sempre no nosso corpo os sinais da paixão de vosso Filho,
– vós que nos deste a vida em seu corpo. R.

(Intenções livres)

Pai nosso ...
Oração
Concedei-nos, ó Deus todo-poderoso, iniciar com este dia de jejum o tempo da Quaresma, para que a penitência nos fortaleça no combate contra o espírito do mal. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

 

Meditação do dia

E o teu Pai, que vê o que está escondido, te dará a recompensa...

Jesus volta a ler as três obras de piedade previstas na lei mosaica: a esmola, a oração e o jejum. E distingue a situação exterior da interior, daquele chorar com o coração. Ao longo do tempo, estas prescrições foram corroídas pela ferrugem do formalismo exterior, ou até se transformaram num sinal de superioridade social. Jesus põe em evidência uma tentação comum nestas três obras, que se pode resumir precisamente na hipocrisia (que é mencionada três vezes): “Ficai atentos par anão praticar as vossas boas obras diante dos homens, para serdes admirados por eles... Quando, pois, deres esmola, não toques a trombeta diante de ti, como fazem os hipócritas... Quando orardes, não façais como os hipócritas, que gostam de orar de pé... para serem vistos pelos homens... E quando jejuardes, não tenhais um ar triste, como os hipócritas”. Irmãos, estai conscientes de que os hipócritas não sabem chorar, já se esqueceram de como se chora, não pedem o dom das lágrimas.
Quando realizamos algo de bom, quase instintivamente nasce em nós o desejo de sermos estimados e até admirados por esta boa ação, para recebermos uma satisfação. Mas Jesus convida-nos a realizar as boas obras sem qualquer ostentação, confiando unicamente na recompensa do Pai, “que vê o segredo”.
Estimados irmãos e irmãs, o Senhor nunca se cansa de ter misericórdia de nós, e deseja oferecer-nos mais uma vez o seu perdão — todos nós temos necessidade disto — convidando-nos a voltar para ele com um coração novo, livres do mal e purificados pelas lágrimas, para participar na sua alegria. [...] Com esta consciência, encetemos confiantes e jubilosamente o itinerário quaresmal. Maria Mãe Imaculada, sem pecado, sustente o nosso combate espiritual contra o pecado, acompanhando-nos neste momento favorável, a fim de que possamos entoar juntos a exultação da vitória no dia da Páscoa.

,

Papa Francisco
266º papa da Igreja Católica, iniciou seu pontificado no ano 2013.

Oração para esta tarde

 

Dai-nos, ó Senhor, um espírito renovado e um coração puro!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

Hino
A abstinência quaresmal
vós consagrastes, ó Jesus;
pelo jejum e pela prece,
nos conduzis da treva à luz.

Ficai presente agora à Igreja,
ficai presente à penitência,
pela qual vos suplicamos
para os pecados indulgência.

Por vossa graça, perdoai
as nossas culpas do passado;
contra as futuras protegei-nos,
manso Jesus, Pastor amado,

Para que nós, purificados
por esses ritos anuais,
nos preparemos, reverentes,
para gozar os dons pascais.

Todo o universo vos adore,
Trindade Santa, Sumo Bem.
Novos, por graça, vos cantemos
um canto novo e belo. Amém.
Salmo 138(139),1-18.23-24

Quem conheceu o pensamento do Senhor? Ou quem foi seu conselheiro? (Rm 11,34).

II

Fostes vós que me formastes as entranhas,
e no seio de minha mãe vós me tecestes.
Eu vos louvo e vos dou graças, ó Senhor,
porque de modo admirável me formastes!
Que prodígio e maravilha as vossas obras!

Até o mais íntimo, Senhor, me conheceis;
nenhuma sequer de minhas fibras ignoráveis,
quando eu era modelado ocultamente,
era formado nas entranhas subterrâneas.

Ainda informe, os vossos olhos me olharam,
e por vós foram previstos os meus dias;
em vosso livro estavam todos anotados,
antes mesmo que um só deles existisse.

Quão insondáveis são os vossos pensamentos!
Incontável, ó Senhor, é o seu número!
Se eu os conto, serão mais que os grãos de areia;
se chego ao fim, ainda falta conhecer-vos.

Senhor, sondai-me, conhecei meu coração,
examinai-me e provai meus pensamentos!
Vede bem se não estou no mau caminho,
e conduzi-me no caminho para a vida!

Glória ao Pai...

Leitura Fl 2,12b-15a
Trabalhai para a vossa salvação, com temor e tremor. Pois é Deus que realiza em vós tanto o querer como o fazer, conforme o seu desígnio benevolente. Fazei tudo sem reclamar ou murmurar, para que sejais livres de repreensão e ambiguidade, filhos de Deus sem defeito.

Em Deus, cuja palavra me entusiasma, em Deus eu me apoio.
Nada mais me causa medo.

MAGNIFICAT
Ao dardes esmola não saiba a esquerda o que faz a direita.

A minha alma engrandece ao Senhor
e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador;
pois ele viu a pequenez de sua serva,
desde agora as gerações hão de chamar-me de bendita.

O Poderoso fez por mim maravilhas
e Santo é o seu nome!
Seu amor, de geração em geração,
chega a todos que o respeitam;

demonstrou o poder de seu braço,
dispersou os orgulhosos;
derrubou os poderosos de seus tronos
e os humildes exaltou;

De bens saciou os famintos,
e despediu, sem nada, os ricos.
Acolheu Israel, seu servidor,
fiel ao seu amor,

como havia prometido aos nossos pais,
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre.

Glória ao Pai...

Preces
Demos glória a Deus Pai, que no sangue de Cristo firmou uma nova Aliança com seu povo, e a renova pelo sacramento do altar. Peçamos com fé:

R. Abençoai, Senhor, o vosso povo!

Dirigi, Senhor, conforme a vossa vontade, as intenções dos povos e dos governantes,
- para que eles se empenhem sinceramente em promover o bem de todos. R.

Fortalecei a fidelidade daqueles que tudo abandonaram para seguir a Cristo;
- que eles deem a todos testemunho e exemplo da santidade da Igreja. R.

Vós, que criastes o gênero humano à vossa imagem e semelhança,
- fazei que todos rejeitem qualquer desigualdade injusta. R.

Reconduzi à vossa amizade e verdade todos os que vivem afastados da fé,
- e ensinai-nos como ajudá-los eficazmente. R.

(Intenções livres)

Concedei aos que morreram entrar na vossa glória,
- para que vos louvem eternamente. R.

Pai nosso...

ANTÍFONA MARIANA
Salve Rainha, Mãe de Misericórdia, vida e doçura esperança nossa salve! A vós bradamos os degredados filhos de Eva.
A vós suspiramos gemendo e chorando neste vale de lágrimas.
Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei, e depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa ó doce e sempre Virgem Maria.
Rogai por nós Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém

 

Evangelho do dia

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: «Tende cuidado em não praticar as vossas boas obras diante dos homens, para serdes vistos por eles. Aliás, não tereis nenhuma recompensa do vosso Pai que está nos Céus.
Assim, quando deres esmola, não toques a trombeta diante de ti, como fazem os hipócritas, nas sinagogas e nas ruas, para serem louvados pelos homens. Em verdade vos digo: já receberam a sua recompensa.
Quando deres esmola, não saiba a tua mão esquerda o que faz a tua direita,
para que a tua esmola fique em segredo; e teu Pai, que vê o que está oculto, te dará a recompensa.
Quando rezardes, não sejais como os hipócritas, porque eles gostam de orar de pé, nas sinagogas e nas esquinas das ruas, para serem vistos pelos homens. Em verdade vos digo: já receberam a sua recompensa.
Tu, porém, quando rezares, entra no teu quarto, fecha a porta e ora a teu Pai em segredo; e teu Pai, que vê o que está oculto, te dará a recompensa.
Quando jejuardes, não tomeis um ar sombrio, como os hipócritas, que desfiguram o rosto, para mostrarem aos homens que jejuam. Em verdade vos digo: já receberam a sua recompensa.
Tu, porém, quando jejuares, perfuma a cabeça e lava o rosto,
para que os homens não percebam que jejuas, mas apenas o teu Pai, que está presente no que é oculto; e teu Pai, que vê o que está oculto, te dará a recompensa».

Selecione como você gostaria de compartilhar.

Compartilhar
* O crédito para artigos compartilhados será fornecido somente quando o destinatário do seu artigo compartilhado clicar no URL de referência exclusivo.
Clique aqui para mais informações sobre o Sorteio da Aleteia de uma Peregrinação a Roma

Para participar do Sorteio, você precisa aceitar os Termos a seguir


Ler os Termos e Condições