Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Domingo 17 Janeiro |
Oração do dia
Festividade do diaHistórias de Santos

Santo Agapio de Cesareia

Mártir (†306)

AGAPITUS

Public Domain

Santo do dia

Eusébio de Cesareia em seu tratado Os Mártires da Palestina descreve o que aconteceu durante o segundo ano da perseguição aos cristãos (304-505) em seu país, após a chegada do governador Urbano, começando com a descrição do martírio de Timóteo. “Em Gaza, cidade palestina, Timóteo, depois de suportar muitas torturas, foi finalmente lançado ao fogo baixo e lento. Dando autêntica prova de sua devoção a Deus com a paciência de suportar todos os suplícios, ganhou a coroa dos atletas vencedores nos jogos sagrados da religião”. E logo após este relato, em que se resume tudo o que se sabe sobre Timóteo, Eusébio continua: “Ao mesmo tempo, Agapio e Tecla, nossa contemporânea, demostraram uma generosíssima resistência e foram condenados a dar de comer aos animais”.
A narrativa de Eusébio (pelo menos no breve comentário) nos informa não do que aconteceu mais tarde a Tecla, mas recolhe alguns dados adicionais sobre Agapio, um pouco mais adiante, na mesma menção, quando trata do quarto ano da perseguição (306-307). O bispo de Cesarea relata como no dia a 20 de novembro 306, na presença do próprio imperador Massimino, teve lugar o suplício de Agapio no estádio de Cesarea, onde ele já havia sido conduzido em outras circunstâncias, e a cada vez, o juiz o reservava para outras lutas. De acordo com Eusébio, Agapio consumou seu martírio assim: “Como um atleta da fé foi chamado pela primeira vez pelo tirano. Em seguida, foi convidado a renunciar à sua fé com a promessa de liberdade. No entanto, testemunhou em alta voz que não foi por uma causa má, mas por sua piedade para com o Criador do universo, que ele suportaria de bom grado e generosamente todos os maus-tratos infligidos a ele. Após dizer isto correu na direção de uma ursa e se ofereceu com grande alegria para servi-la como comida.
Quando foi retirado, ainda respirava, foi levado de volta para a prisão e não sobreviveu mais do que um dia. Na sequência, foi amarrada uma pedra a seu pé e ele foi lançado ao mar. (Os mártires Palestina, VI, 6-7).

Descubra outros santos clicando aqui
Top 10
Aleteia Brasil
Na íntegra: as três partes do Segredo de Fáti...
UNPLANNED
Jaime Septién
Filme contra o aborto arrasa nas bilheterias ...
BABY BAPTISM
Padre Reginaldo Manzotti
Por que é tão importante batizar uma criança?
Deserto de Negev
Francisco Vêneto
Pedra de 1.400 anos com inscrição mariana é e...
KRZYŻYK NA CZOLE
Beatriz Camargo
60 nomes de bebês que carregam mensagens pode...
Reportagem local
Papa Francisco: cuidado com os cristãos que s...
POPE JOHN PAUL II
Philip Kosloski
"Não tenhais medo": a frase mais usada por Sã...
Ver mais