Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Quarta-feira 28 Outubro |
São Sálvio
Oração do dia
Festividade do diaHistórias de Santos

Santa Teresa Couderc

Religiosa e fundadora das Irmãs de N. S. do Cenáculo (†1885)

THERESE COUDERC

JoJan / CC

Santo do dia

Marie-Victoire Couderc nasceu no dia 01 de fevereiro de 1805 numa aldeia da comuna de Sablières, Ardèche, França. Era é a quarta dos doze filhos de Anne Méry e Claude Couderc, que viviam em um ambiente rural simples. Aos 17 anos ingressou num internato, em Vans, administrado pelas Irmãs de São José. Em 1826, ingressou no noviciado de Alba-la-Romaine para se tornar religiosa, em uma congregação fundada por Étienne Terme, sacerdote de Ardèche, onde tomou o nome de Irmã Teresa. Nomeado em 1824 para a paróquia de Lalouvesc, santuário de São Régis, o Padre Terme, observando que não havia nenhuma estrutura para receber as mulheres peregrinas, abriu um abrigo destinado a elas. Chegou lá no inverno de 1825-1826 para organizar uma primeira casa, e começou a construir a casa de acolhida de mulheres. Esta seria a primeira casa das Irmãs congregação do Cenáculo ou O Cenáculo. Em 1827, ele chamou Teresa e duas de suas irmãs para tomar conta dessa nova fundação. Teresa, que tinha apenas 23 anos, teve que cumprir as funções de uma superiora.

Teresa então interveio com o padre Terme para que a hospitalidade material que era oferecida às mulheres em peregrinação fosse estendida para a educação de uma vida espiritual mais intensa, com uma formação em oração e um aprofundamento na fé cristã. Padre Terme, tendo vivido um retiro de acordo com os Exercícios de Santo Inácio de Loyola, fundador dos jesuítas, inscreverá a nova fundação nesta grande corrente de espiritualidade. Esta vai tornar-se a base sólida da formação de irmãs e sua missão. Vai enriquecer os próprios dons de Stephen Terme e Teresa Couderc ( “dar-se totalmente à orientação do Espírito”, “Deus é mais do que bom, é Bondade “) marcados pela espiritualidade da escola francesa e mais tarde pelo mistério bíblico individual do Cenáculo introduzido pelo livro de Atos capítulo 1.O trabalho dos retiros se desenvolveu e se separou da Congregação de São Régis que o Padre Terme havia fundado antes para a educação das crianças pobres da região de Ardèche. Assim, a instituição foi dividida em dois ramos: o das Irmãs das Escolas (Irmãs de São Regis) e as Irmãs dos Retiros que será chamado depois Irmãs de Nossa Senhora do Cenáculo.

Padre Terme morreu em dezembro de 1834, mas Teresa conseguiu manter o trabalho com a ajuda do provincial dos jesuítas. No entanto, a exaustão obrigou-a a descansar no santuário de Nossa Senhora de Ay, perto de Lalouvesc. No ano seguinte, como resultado de intrigas, ela foi deposto do cargo e substituída à frente da instituição. Ela viveu então nas sombras e humildade, intervindo apenas em algumas missões difíceis: em Lion, na aquisição de terras para construir a casa de Fourvière, em seguida, em Paris para resolver um conflito dentro de uma comunidade.

Ela também irá a Montpellier de onde escreverá o texto “Livrar-se”. Nele ela escreveu: “[…] render-se é também o espírito de desapego que nada guarda para as pessoas, para as coisas, para o tempo ou para os lugares. É aderir a tudo, aceitar tudo, submeter-se a tudo.”

A partir de 1867, Teresa morou em Lion, na colina Fourvière, onde catequizava adultos, organizava retiros, cuidava de suas irmãs doentes e dedicava-se à oração com humildade e discrição, não exercendo qualquer papel de liderança. Somente em 1877 que o novo superior reconheceu oficialmente Teresa como cofundadora da instituição com o padre Terme. Enquanto isso, os Cenáculos cresceram, muitas casas foram abertas em França e no estrangeiro. Em 2010, 500 irmãs tinham comunidades em 13 países e conduziam diversas formações em países onde não estevam estabelecidas (China, Malásia , Burkina Faso, Benin, Costa do Marfim …)

Teresa Couderc morreu em Lion, no Cenáculo, em 26 de setembro de 1885. Seu corpo foi trazido de volta a Lalouvesc em 29 de setembro. Com São Régis e Santa Teresa Couderc, Lalouvesc é um lugar de peregrinação particularmente frequentado entre junho e setembro.

Foi beatificada no dia 04 de novembro de 1951 pelo Papa Pio XII, na Basílica de São Pedro e Canonizada no mesmo local no dia 09 de maio de 1970 pelo Papa Paulo VI.

Descubra outros santos clicando aqui
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
No colo de Maria
Como rezar o terço? Um guia ilustrado
Pe. Zezinho
Francisco Vêneto
Duas emissoras brasileiras deturpam fatos em ...
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
Ver mais