Aleteia logoAleteia logoAleteia
Sexta-feira 01 Julho |
Bem-aventurada Madre Assunta Marchetti
Aleteia logo
Oração do dia
Festividade do diaHistórias de Santos

São Magnerico

Bispo († 596)

STREET

Public Domain


Magnerico nasceu no início do século VI, cresceu na escola de São Nicécio, bispo de Tréveris, Alemanha, de cujas mãos recebeu a sagrada ordenação.
Nicécio excomungou o rei Clotário I, devido à sua devassidão. Em contrapartida, o rei o expulsou de sua sede e o mandou para o exílio, em 560. Magnerico optou por seguir o mestre. Retornou a Tréveris, com ele, no ano seguinte, quando Nicécio foi chamado de volta por Sigebert, filho de Clotário I, para governar a Igreja da região, a cuja cátedra ele ascendeu em 566.
Muito devoto de São Martinho de Tours (falecido em 397), Magnerico dedicou várias igrejas em sua honra, e também fundou um mosteiro com seu nome. São Martinho fora apóstolo dos gauleses e Magnerico frequentemente fazia peregrinações a seu santuário
Durante suas piedosas idas a Tours ele conheceu o bispo São Gregório, que se lembrava dele com sincera admiração por ser ele autor da Historia Francorum. Magnerico também foi grande amigo de Venâncio Fortunato, a quem dedicou uma ode, elogiando suas virtudes, seu zelo no governo da diocese, sua santidade e seu ardente espírito de caridade .
Magnerico também mantinha excelentes relações com o rei Hildeberto II, que o tinha em grande estima, e de quem foi confiante defender a causa de Teodoro, bispo de Marselha, refugiado em 585, em Tréveris.
Teve muitos discípulos, entre os quais São Gaudério, que ele ordenou diácono e que mais tarde se tornou bispo, em Cambraia.
Depois de mais de trinta anos de episcopado e em idade muito avançada, Magnerico morreu na Alemanha, em Tréveris, no dia 25 de julho, mais provavelmente em 596, e foi sepultado na igreja de São Martinho que ele próprio havia erigido.

Descubra outros santos clicando aqui
PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais