Aleteia logoAleteia logoAleteia
Terça-feira 29 Novembro |
Aleteia logo
Oração do dia
Festividade do diaHistórias de Santos

Santa Matrona de Tessalônica

Mártir († século III-IV)

WEB2-AM01-Antoine-Mekary-ALETEIA-AM_1011.jpg

Antoine Mekary | ALETEIA

Originária de Tessalônica, Matrona era a serva de uma senhora judia, chamada Pausila, cujo marido era um oficial de alta patente. Ela costumava acompanhar a patroa à sinagoga e depois ia escondida à igreja cristã. Foi descoberta, sendo primeiro chicoteada e depois trancada em uma masmorra por quatro dias, sem qualquer comida.
Após novas perseguições, foi novamente presa e veio a falecer.
Para evitar a acusação de homicídio, Pausila supostamente carregou o corpo de Matrona em uma carroça para fora da cidade e, assim, fazer crer que acontecera um acidente. Não existe nenhum dado cronológico que permita a datação do evento. Os martirológios bizantinos concluem o registro dizendo que o bispo de Tessalônica, Alexandre, mais tarde levaria os restos mortais de Matrona para dentro das muralhas da cidade e mandaria construir uma igreja para depositá-los.
O martirológio Alexandrino de Miguel, bispo de Atrib e Malig, comemora Matrona em sete de setembro com registros que dependem dos martirológios bizantinos, mas com uma versão diferente, muito mais dramática. Acrescenta-se, por exemplo, no que se refere ao estratagema de Pausila (cujo nome não é citado), que, ao atirar o corpo de Matrona ao precipício, ela tenha escorregado e tenha sofrido uma queda fatal.
Outra tradução do martirológio alexandrino manteve o mesmo registro no mesmo dia, sete de setembro.
No Ocidente, Floro foi o primeiro a introduzir Matrona em seu Martirológio, escrevendo um registro com base na paixão latina, mas colocando-a no dia 15 de março. Adônis reproduziu o registro com o mesmo dia e Usuardo, embora modificando ligeiramente os elogios de seus predecessores, deixou Matrona em 15 de março, que agora se tornou o dia de comemoração nos calendários ocidentais. Finalmente, Barônio reproduziu o registro de Floro e Adonis para o Martirológio Romano.
Mais próxima da data dos martirológios bizantinos, o Martirológio Jeronímico celebra Matrona em 25 de março, com uma elegia que, no entanto, permanece fragmentária.

Descubra outros santos clicando aqui
PT300x250.gif
Top 10
Ver mais