Aleteia logoAleteia logoAleteia
Terça-feira 30 Novembro |
São Saturnino de Cartago 
Aleteia logo
Oração do dia
Festividade do diaHistórias de Santos

Santa Matrona de Tessalônica

Mártir († século III-IV)

Antoine Mekary | ALETEIA

Originária de Tessalônica, Matrona era a serva de uma senhora judia, chamada Pausila, cujo marido era um oficial de alta patente. Ela costumava acompanhar a patroa à sinagoga e depois ia escondida à igreja cristã. Foi descoberta, sendo primeiro chicoteada e depois trancada em uma masmorra por quatro dias, sem qualquer comida.
Após novas perseguições, foi novamente presa e veio a falecer.
Para evitar a acusação de homicídio, Pausila supostamente carregou o corpo de Matrona em uma carroça para fora da cidade e, assim, fazer crer que acontecera um acidente. Não existe nenhum dado cronológico que permita a datação do evento. Os martirológios bizantinos concluem o registro dizendo que o bispo de Tessalônica, Alexandre, mais tarde levaria os restos mortais de Matrona para dentro das muralhas da cidade e mandaria construir uma igreja para depositá-los.
O martirológio Alexandrino de Miguel, bispo de Atrib e Malig, comemora Matrona em sete de setembro com registros que dependem dos martirológios bizantinos, mas com uma versão diferente, muito mais dramática. Acrescenta-se, por exemplo, no que se refere ao estratagema de Pausila (cujo nome não é citado), que, ao atirar o corpo de Matrona ao precipício, ela tenha escorregado e tenha sofrido uma queda fatal.
Outra tradução do martirológio alexandrino manteve o mesmo registro no mesmo dia, sete de setembro.
No Ocidente, Floro foi o primeiro a introduzir Matrona em seu Martirológio, escrevendo um registro com base na paixão latina, mas colocando-a no dia 15 de março. Adônis reproduziu o registro com o mesmo dia e Usuardo, embora modificando ligeiramente os elogios de seus predecessores, deixou Matrona em 15 de março, que agora se tornou o dia de comemoração nos calendários ocidentais. Finalmente, Barônio reproduziu o registro de Floro e Adonis para o Martirológio Romano.
Mais próxima da data dos martirológios bizantinos, o Martirológio Jeronímico celebra Matrona em 25 de março, com uma elegia que, no entanto, permanece fragmentária.

Descubra outros santos clicando aqui
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Ver mais