Aleteia
Quinta-feira 22 Outubro |
São Moderano
Oração do dia
Festividade do diaHistórias de Santos

São Nimatulah Youssef Kassab Al-Hardini

Religioso maronita (†1858)

NATIVITY

Public Domain

Na famosa terra bíblica dos Cedros, no Líbano, viveu no século XIX São Al-Hardini. Era monge e famoso por sua intransigência nas questões espirituais e doutrinais. Nascido com o nome de Youssef Kassab no ano de 1808m viveu no seio de uma família cristã maronita muito fervorosa. O jovem Youssef fez seus estudos na escola monástica do convento de Santo Antonio de Houb entre os anos 1816 e 1822. Após esse período de estudos, se dedicou a ajudar seus pais nos trabalhos agrícolas. Com o advento da adolescência e o início da vida adulta, sentiu se confirmar sua vocação ao monarquismo, de modo que com a idade de 20 anos tronou público para seus pais o desejo de se tornar monge. Entrou no noviciado do Convento maronita de Santo Antônio em 1828. Após o período de noviciado, emitiu seus votos assumindo o nome religioso Nimatullah (que traduzido, significa “dom de Deus”). Após os estudos teológicos, foi ordenado sacerdote em 1833, no dia de Natal. Decidiu viver a vida cenobítica em Kfifane, num convento maronita com uma escola de teologia anexa. Viveu no rigor da disciplina e na oração constante. Além disso, sua devoção ao Santíssimo Sacramento o levava a se dedicar por horas a fio à oração na capela de joelhos e com os braços abertos diante do Santíssimo. Tudo isso lhe valeu o apelido de o “santo de Kfifane”. Também à Mãe de Deus, Nimatullah dedicava uma devoção especial: tinha muita familiaridade com o famoso texto “As glórias de Maria” de Santo Afonso de Ligório. Além da robusta vida espiritual, tinha uma cultura invejável, de fato, em 1845 recebeu a nomeação de assistente de sua Ordem. Embora fosse cotado, rejeitou terminantemente – por humildade – receber o cargo de Abade Geral; segundo ele, “a Virgem Maria o havia proibido’. Quando não estava em oração, amava se dedicar aos estudos e aos trabalhos de encadernação de livros antigos. Em 1858 contraiu uma pneumonia e no dia 14 de dezembro desse mesmo ano veio a falecer invocando o nome da Mãe de Deus. Testemunhas disseram que no momento de sua morte, uma grande luz inexplicavelmente iluminou seu pequeno quarto e um aroma muito suave se desprendia de seu corpo. Sua fama de santidade em vida, diante desses acontecimentos extraordinários acresceu notavelmente. Logo a fama de milagres também começou a acompanhar a memória do santo. Seu corpo se conserva milagrosamente intacto. São João Paulo II o proclamou santo em 16 de maio de 2004.

Descubra outros santos clicando aqui
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Aleteia Brasil
Quer dormir tranquilo? Reze esta oração da no...
CARLO ACUTIS
John Burger
Como foram os últimos dias de vida de Carlo A...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
nuvens sinais
Reportagem local
Estão sendo fotografados "sinais do céu"?
Papa Francisco São José Menino Jesus
ACI Digital
Papa Francisco reza esta oração a São José há...
violência contra padres no Brasil
Francisco Vêneto
Outubro de cruz para padres no Brasil: um per...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
Ver mais