Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 17 Abril |
Santa Catarina Tekakwitha
Oração do dia
Festividade do diaHistórias de Santos

São Calógero

Eremita (†561, aprox.)

CALOGERUS THE ANCHORITE

Public Domain

O termo “calógero” é de origem grega e significa “belo velho”. Para os antigos gregos, em geral tudo o que é belo é igualmente justo e bom. Por esse motivo era comum – tanto no Oriente quanto no Sul da Itália, que recebeu uma forte influência do mundo grego – que esse termo fosse empregado para os monges eremitas, homens justos e bons. Conforme a tradição, São Calógero teria nascido por volta do ano 466 em Calcedônia, no Bósforo. Desde menino praticava jejuns, rezava e estudava a Sagrada Escritura. Mais tarde ele foi até Roma em peregrinação e recebeu do Papa Félix (483-492) a permissão para viver na solidão. Durante sua reclusão teve uma visão de anjos – ou uma inspiração divina – que lhe indicou a ilha da Sicília como um local que demandava evangelização. Tendo recebido autorização, se dirigiu para a ilha com alguns companheiros, com a finalidade de anunciar o evangelho, expulsar os demônios e tirar do povo a prática de adoração de divindades pagãs. Durante sua permanência na cidade de Lipari teve a visão da morte do rei Teodorico, que havia começado uma perseguição aos cristãos latinos. De Lipari, São Calógero partiu para a Sicília onde foi habitar junto ao monte que hoje traz seu nome. Vivia em meio à grutas e rochedos, lutando contra os demônios que assolavam aquela região. Segundo uma narrativa lendária, São Calógero, já velho, e com dificuldades para se alimentar em meio aos rochedos, recebia quotidianamente a visita de uma pequena corsa que lhe fornecia leite para que se alimentasse. Um caçador, a espreita percebendo o pequeno animal desferiu uma flechada. A corsa, ferida mortalmente, conseguiu se arrastar e entrar na caverna do santo. Ali chegando morreu entre os braços do pobre monge. O caçador, ao perceber o que havia feito, pediu perdão a São Calógero e se tornou seu discípulo, ao se despedir de São Calógero, o caçador prometeu eu o visitaria com frequência. Quarenta dias após a morte da pequena corsa, numa de suas visitas, o caçador encontrou o santo morto: estava de joelhos diante do pequeno altar em que ele oferecia o santo sacrifício. Era o dia 18 de junho do ano 561. São Calógero é um dos santos mais venerados na ilha da Sicília.

Descubra outros santos clicando aqui
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
1
KRZYŻYK NA CZOLE
Beatriz Camargo
60 nomes de bebês que carregam mensagens poderosas
2
Pe. Zezinho
Reportagem local
Não desprezem o templo nem posem de católicos avançados, alerta o...
3
MIGRANT
Jesús V. Picón
O menino perdido no deserto nos convida a refletir
4
MARY, CRUSH, SNAKE
Desde la Fe
10 poderosas armas para lutar contra o demônio
5
SPANISH FLU
Bret Thoman, OFS
Como o Padre Pio encarou a pandemia de gripe espanhola
6
Frei Jorge e o cãozinho frei Carmelito
Francisco Vêneto
Humanizar os animais não é amá-los, pois desrespeita sua natureza...
7
Aleteia Brasil
Havia um santo a bordo do Titanic?
Ver mais