Aleteia logoAleteia logoAleteia
Domingo 14 Agosto |
São Maximiliano Maria Kolbe
Aleteia logo
Oração do dia
Festividade do diaHistórias de Santos

São Procópio de Cesareia da Palestina

Mártir (†303)

Procession of the Chains of Saint Paul for the Feast of Saints Peter and Paul

Antoine Mekary | ALETEIA

“Os mártires da Palestina”: esse é o título de uma obra do famoso historiador Eusébio de Cesareia e que traz informações preciosas sobre os mártires que morreram testemunhando sua fé cristã após a perseguição decretada pelo imperador romano Diocleciano. Segundo Eusébio, o primeiro mártir dessa perseguição na Palestina, ocorrida no ano 303, fora Procópio; ele havia sido arrastado perante o tribunal e, como era o costume nesses casos, fora instado a fazer os sacrifícios para os deuses. Diante da negativa de Procópio – que teria citado na ocasião um texto de Homero, com clara referência ao Cristo: “Não é bom que haja um governo de muitos. Seja um o chefe, um o rei” – imediatamente lhe foi dada a condenação à morte: sua cabeça foi decepada. Outra fonte antiga informa que Procópio era natural de Aelia (=Jerusalém) e que havia se fixado em Citópolis (a atual Bet-Shean, no Distrito norte de Israel). Aí, segundo essa fonte, ele desempenhava a função de Leitor, intérprete na língua síria e exorcista. Sendo muito jovem, Procópio vivia em castidade e na prática das virtudes: jejuava e se dedicava à oração. Embora não fosse muito brilhante nas ciências de sua época, ele se distinguia no estudo das Escrituras. Como era comum em algumas fontes antigas, muitas vezes para valorizar ainda mais a figura do mártir, utilizava-se o recurso de “aumentar” alguns feitos mediante artifícios legendários. Também o martírio de Procópio é assim narrado: Um de seus algozes, ao levantar a mão para matá-lo, fica milagrosamente paralisado e cai fulminado. Em outro relato, como forma de tortura, os algozes colocam carvão em brasa com incenso na palma da mão de Procópio: desse modo esperavam que ele oferecesse à força o sacrifício aos deuses; apesar disso, ele permanece impassível e indiferente às dores da queimadura. São Procópio gozou de grande popularidade na Igreja bizantina. No Ocidente, um dos primeiros a introduzir a memória de São Procópio, foi São Beda, o venerável, fixando a data da memória para o dia 8 de julho. Em Citópolis foi construída uma igreja à sua memória. 

Descubra outros santos clicando aqui
PT300x250.gif
Oração do dia
Festividade do dia





Envie suas intenções de oração à nossa rede de mosteiros


Top 10
Ver mais