Aleteia logoAleteia logo
Aleteia
Sábado 31 Outubro |
Beato Domingos Collins
Oração do dia
Festividade do diaHistórias de Santos

São João XXIII

Papa (†1963)

CHILD

Public Domain

Angelo Giuseppe Roncalli: era o quarto filho de um total de 13 irmãos. Nasceu na região de Bérgamo na Itália, num lugarejo chamado Sotto il Monte. Era o dia 25 de novembro de 1881, quando ele veio à luz. Seu pai, Giovanni Batista e a Mãe, Mariana Mazzola, eram agricultores, mas tinham uma grande fé. O pequeno ngelo foi batizado no mesmo dia de seu nascimento na igreja de Santa Maria, que ficava muito próxima da casa paterna. Seu padrinho de batismo foi seu tio Zaverio Roncalli que ajudou também em sua criação. O pequeno ngelo começou a escola em 1887; conforme o costume, começou também a seguir o catecismo todos os domingos, de modo que dois anos depois, em 1889, receberia a crisma e a primeira comunhão. Com o apoio de seus pais e do Pároco, ngelo entrou no Seminário menor em 1892. Logo foi revelando seu amor pelos estudos e pelos livros, de modo que em 1895 foi admitido entre os candidatos às então chamadas “ordens menores”. Em 1901, mediante uma bolsa de estudos, foi enviado para estudar Teologia em Roma. Interrompe momentaneamente os estudos para entrar no 73º regimento de infantaria para cumprir o serviço militar obrigatório. Retornando ao Seminário, em 1904 termina os estudos e é ordenado sacerdote na igreja de Santa Maria in Montesanto, na famosa Piazza del Popolo, em Roma. Em 1905, o bispo de Bergamo o escolhe como seu secretário particular. Durante esse período desenvolve outras tarefas, como a de Professor de História Eclesiástica, no Seminário de Bergamo, Diretor de um periódico da diocese, responsável pelo movimento católico feminino e outros encargos. Foi também acusado de modernismo, mas se defendeu bravamente não deixando pairar alguma suspeita sobre si. Por ocasião da Primeira Guerra Mundial, Padre ngelo foi para o exército e trabalhou como capelão militar: em 1916 se tornava tenente capelão. Com o final do conflito, em 1919 foi nomeado Diretor Espiritual do Seminário. No ano seguinte, atendendo a um chamado do Papa Bento XV, rumou para Roma com a finalidade de desempenhar o papel de Presidente do Conselho Central da Obra para a Propagação da Fé na Itália. Começa um período em que visitará boa parte das dioceses italianas para recolher fundos e conhecer os vários centros de atividade missionária. Em 1925 foi nomeado Visitador Apostólico para a Bulgária; no dia 19 de março desse mesmo ano foi ordenado bispo, escolhendo o lema “Oboedientia et pax” (Obediência e paz). Começou todo um trabalho de defesa dos católicos búlgaros, tanto os de rito latino, quanto os de rito oriental. Em 1934 foi enviado para a Turquia e a Grécia e, ao mesmo tempo, nomeado Administrador Apostólico dos latinos em Constantinopla. Durante o conflito da Segunda Guerra Mundial, se dedicou a defender os refugiados, inclusive judeus, que buscavam um reparo na Turquia. Em virtude de seus muitos trabalhos, foi nomeado Núncio Apostólico em Paris pelo Papa Pio XII, desempenhando importante papel na relação entre Igreja e Estado francês. Em 1953, no último Consistório de Pio XII, foi criado cardeal e nomeado Patriarca de Veneza. Na cidade, se esmerou no governo pastoral chegando a convocar um Sínodo local para poder melhor corresponder aos desafios que a igreja local devia enfrentar.

Com a morte do Papa Pio XII é eleito seu sucessor no conclave de 1958 e escolhe o nome de “João”. Ao assumir o sólio Pontifício João XXIII afirmou que a tarefa primeira do Papa é pastoral. Sua linguagem simples e afetuosa logo fez com que o povo o chamasse de “Papa buono” (Papa bondoso). Esse Papa bondoso estava destinado a mudar a história da Igreja: após um longo período de oração e reflexão, o Papa João XXIII convoca em 1959 o Concílio Vaticano II, com a finalidade de a Igreja responder aos problemas e desafios do mundo contemporâneo. Após a abertura do Concílio, diagnosticado como portador de um câncer estomacal, Papa João XXIII faleceria no dia 3 de junho de 1963. No dia 27 de abril de 2014 foi celebrada sua canonização pelo Papa São João Paulo II. A memória litúrgica de São João XXIII foi fixada para o dia 11 de outubro, data de abertura do Concílio Vaticano II.

Descubra outros santos clicando aqui
Oração do dia
Festividade do dia





Top 10
Brasileira Simone Barreto Silva é vítima de ataque terrorista na catedral de Nice
Reportagem local
Brasileira é vítima no ataque terrorista na c...
Reportagem local
França: atentado na basílica de Notre Dame em...
TRIGEMELAS
Esteban Pittaro
A imagem de Nossa Senhora que acompanhou uma ...
Pe. Robson de Oliveira
Francisco Vêneto
Defesa desmente Fantástico, da TV Globo, em n...
Aleteia Brasil
O milagre que levou a casa da Virgem Maria de...
Reportagem local
Corpo incorrupto de Santa Bernadette: o que o...
Philip Kosloski
3 poderosos sacramentais para ter na sua casa
Ver mais